Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

17/06/2011 11:00

Leia Amplavisão, por Manoel Afonso

Manoel Afonso

‘BOINGS’ Sarney (ele mesmo!), Ideli Salvati e Alfredo Nascimento não perderam tempo e ontem mesmo já teriam telefonado para Toninho Russo. Afinal, será mais um senador para a base aliada. Essa é a conta deles.

ESTRANHO Rinaldo criticava a ‘Marcha da Maconha’ e Kemps aparteou defendendo a livre manifestação, mas dizendo ser contra a apologia do uso da droga. Ora! Não há como separar as duas situações.

NO BRASIL não há meio termo. É tudo ou nada! A maconha é aperitivo para cocaína, haxixe e outras drogas. Curioso: certas autoridades falam como se estivessem vivendo na Holanda ou Suécia. Menos, please!

AS IGREJAS evangélicas estão boazinhas demais no episódio. De olho nos benefícios junto ao Planalto, a bancada federal não solta um pio contra o STF, onde 5 ministros são ‘lulistas’. Deus está vendo essa hipocrisia.

ESTÍLOS Cada político tem o seu! Neste episódio do TCE foi possível aferir a ‘versatilidade’ em plenário. Discursos, frases de efeito, poses e expressões faciais compõem aquele sedutor cenário político.


A POSTURA de Arroyo na tribuna, veterano no 5º mandato passou a imagem de que a vitoria seria a sua ‘porta da esperança’. Convenhamos! Seu currículo invejável dispensaria certos argumentos de convencimento.

EVIDENTE que a opção política falou mais alto. Em qualquer parlamento não há como separar os interesses administrativos - das lideranças. Neste caso assim entendeu o grupo político do qual Arroyo faz parte.

AS FERIDAS políticas cicatrizam rápido. Tancredo pregava isso. Arroyo deve estar refletindo sobre o presente/futuro. Nestas horas, ouvir o cardeal Londres por exemplo, acalmaria a alma e os ânimos magoados.

EXISTEM interessados em ‘sangrar’ politicamente o episódio para desgastar André. Os discursos ‘em defesa’ de Arroyo mostraram isso. Mas cá entre nós: ingenuidade é palavra proibida em qualquer parlamento.

DETALHE A sabatina foi salutar: ambos candidatos preparados. Sua transmissão pela TV – sob o argumento da transparência – beneficiou Marisa, anulando a vantagem da experiência parlamentar de Arroyo.

AS NOTÍCIAS dos benefícios para MS – devido a ida de Toninho Russo para o PR, são frutos da engenharia política de André. Fazendo as pazes com o Planalto ele abre as portas e destrava a torneiras federais.

A LIÇÃO Estamos sempre falando dos nordestinos, admirando a versatilidade política deles, mas continuamos amadores, vivendo de migalhas de Brasília. Primeiro mandamento: Não se faz política com o fígado.

LEMBRANDO Nossos parlamentares soltam foguetes ao ‘garantir’ emendas no orçamento do ano seguinte. Mas a novela se repete anualmente: o Planalto corta quase tudo e libera só uns trocadinhos. Certo ou errado?

O PLANALTO poderiam sim fazer aqui, por exemplo, o que fez no Tocantins para resolver a questão indígena e não prejudicando a classe produtora. É fácil: basta que tenhamos competência política de verdade.

O LEITOR que ouve a ‘Vóz do Brasil’ fica admirado com tantos recursos liberados para Estados do Norte/Nordeste. O pessoal cria projetos, faz malabarismo e pressão para conseguir os objetivos. Isso se chama política!
VERGONHOSA a situação no Incra-MS.Caciques petistas se digladiam pelo comando enquanto os proprietários rurais e trabalhadores beneficiados pelo órgão sofrem. Na AL os deputados petistas evitam o assunto.

A PROPÓSITO O MPF questiona o projeto do Incra na fazenda comprada da Família Bumlai. Se não bastasse a questão do preço pago pelas terras, o planejamento do Incra é desastroso. Joga-se dinheiro pela janela.

IMPRESSIONA a diferença entre a iniciativa privada e o poder público. Se a primeira prioriza economia e qualidade, o segundo peca pelo anti- pragmatismo e falta de visão. Imagine o que o Incra faz com nosso dinheiro!

ACRISSUL Os donos de fazendas invadidas por índios, tendo pesadelos com a idéia da entidade se tornar um comitê petista para os pleitos de 2012/2014. É que Chico Maia já delirou em 2010: queria ser o vice de Zeca.

O PREÇO! Chico queria ‘manipular’ o processo eleitoral, mas foi barrado pela justiça. Neste clima desconfortável, vários integrantes de sua chapa já teriam pedido para sair. ‘A vida é mesmo um eterno aprendizado’.

PONTO para Fábio Trad que viabilizou a vinda do integrantes da Comissão da Reforma Política até nossa capital. Espaço importante para se debater idéias e projetos. Agora... se a tal reforma sai, é outro papo.

FRASES “O Brasil é a amante que mais amei e a que mais me enganou” (R.Campos); “Se o governo comprar um circo, o anão começa a crescer”. (D. Neto); “A verdadeira vitória em política não faz perdedores”. (T.Neves)



O Cassilandianews não se responsabiliza por artigos ou opiniões com autoria

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)