Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

06/06/2008 09:16

Leia Amplavisão, por Manoel Afonso

Manoel Afonso

GENIAL A Fiems quer colocar em out-dors os nomes dos nossos “ilustres” deputados federais defensores do imposto do cheque. Isso ativará a memória do eleitor, como ocorreu no episódio das “Diretas Já”. Lembra-se?

“PÊSAMES” Onze entidades choram o fim da “Tabela J” cobrado desde 1998. O STF negou o recurso da Amansul e há outra questão: devolver o que receberam à partir de 2.004. Com mudança de hábitos, tudo se resolve.

ALÍVIO para o contribuinte é claro! A taxa, de R$10,89 a R$47,10 era embutida nas custas processuais e extrajudiciais. Pode? Até a Associação dos poderosos Fiscais de Rendas era beneficiada com essa “perola”.

OUTRA boa vitória do Ministério Público Federal é a decisão da Justiça Federal local determinando que a Aneel refaça o processo de segunda revisão tarifária da energia cobrada pela Enersul. MPF: atuante, mas discreto!

LEITOR (advogado) indaga: a lei proibindo a cobrança da taxa dos boletos vai atingir também a justiça que penaliza o contribuinte na emissão de guias para recolhimento de custas? Com a palavra a nossa OAB.

PLIM PLIM... Só foi Garotinho dar a entender que poderia apoiar o senador Crivela (sobrinho de Edir Macedo, da Record) ao governo do Rio, a Globo detonou o ex-governador como envolvido no escândalo.

CONFISSÃO de Jr. Mochi: “Tudo muito caro no Japão. Um almoço razoável custa US$100,00. Uma Coca US$3,00. As pessoas não têm mínima noção da nossa realidade. Conclusão: nosso país não existe.” Alguma dúvida?

“TRAMÓIA & PT”: 8 meses após comprar a Varig por US$24 milhões, a VarigLog a revendeu à Gol por US320 milhões. No meio disso o compadre de Lula, Roberto Teixeira, que teria levado US$5 milhões.

VALDIR NEVES: Fazendo falta na Assembléia. Questionador e ocupante assíduo da tribuna não limitava o olhar ao cenário local e com isso motivava debates interessantes. Os petistas deram graças pela sua saída.

À PROPÓSITO Postura da bancada do PT não é nem sobra daquela de antigamente. Evita confrontos, desgastes e mostra que está adorando participar da mesa diretora. Como ironiza André: “eles são da base aliada”.

ATÉ TU JOSÉ! “Qualquer um está sujeito a isso ” - disse ele no episódio Renan. Réu numa Investigação de Paternidade, o vice presidente da República não foi a coleta de sangue. Sujou! Quem não deve, não teme!.



SIMONE Como dizia Ramez – essa menina vai longe! Ousada, mas emblemática a escolha da educadora Márcia Moura como sua candidata à vice. Um recado sutil aos céticos e superados machistas da nossa política.

A ELEITORA brasileira é machista. Já escrevi um artigo sobre isso. As mulheres são mais éticas, organizadas e sensíveis, - fatores componentes da competência. É pena: ainda não perceberam a força que tem.

OBAMA & HILLARY? Kennedy venceu Lyndon Jonhson e formaram chapa pura. Lincoln (republicano) teve Andrew (democrata) como vice. Tudo é possível, mas votar num negro e numa mulher é tabu nos “States”.

OS JOVENS estão emburrecendo por conta das distrações digitais. Navegam demais, perdem a concentração nos livros e esquecem hábitos intelectuais. E têm dificuldade na
redação e operações básicas da matemática.

“REMÉDIO AMARGO” Antes o PT era crítico feroz desta metáfora e agora Lula anuncia seu uso para combater a inflação. Adivinhe quem vai pagar o pato e a conta? O imposto do cheque está batendo na porta.

MARCOS TRAD Outra iniciativa corajosa, com apoio inclusive do C. Civil (art. 156). O fim do cheque caução para internação hospitalar. Quem não passou por essa situação delicada, humilhante até? O debate promete!

NA HORA do desespero para salvar um ente querido o cidadão assina tudo. Não tem condição psíquica para se ater aos termos do documento. É como aquelas clausulas de letras miúdas de financiamento bancário.

ELEITORA sugere: Para resolver nossos males que tal aproveitar os pastores que se metem a falar em economia e os tais palestrantes de estratégias, gestão e lideranças? Todos em uma coisa em comum: faturar.

COBRANÇA Jovens bêbados e a vizinhança sem dormir com a algazarra. A Câmara “discute” há dois anos a venda de bebidas nos postos. O vereador Paulo Siuf tem toda razão. Até quando isso? “Muito estranho”.

E DECOLA? A julgar pelos ânimos de lideranças petistas a candidatura de Teruel corre riscos. A performance de Lula não influencia aqui. Quando o PT local fala na TV das obras do PAC perde tempo. Ledo engano!

MUTRETA? Os US$7 milhões de propina pagos pela “Alstom” para tocar as obras do Metrô paulistano podem respingar feio em Alckmin e Serra. Tem até gente do Covas no meio do rolo. Munição explosiva para palanque.

SAFADEZA NÃO PRESCREVE! (Jarbas Vasconcelos)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)