Cassilândia, Domingo, 27 de Maio de 2018

Últimas Notícias

01/09/2006 10:18

Leia Amplavisão, por Manoel Afonso

Manoel Afonso

ENERSUL-1. Com a decisão da Justiça, barrando a CPI na Assembléia, o consumidor ficou indefeso e pagando a taxa mais cara do país. É o caso de se perguntar: “ Quem vai nos salvar agora? O Chapolin Colorado?

ENERSUL-2. Precisa ter estrutura para proteger melhor os direitos dos usuários. Basta qualquer descarga elétrica para danificar os eletrodomésticos. Depois é um “Deus nos acuda” para obter o ressarcimento dos gastos.

REFLEXÃO-1 Delcídio está mesmo candidato? Parece mais um turista. Em Três Lagoas, por exemplo, visitou a prefeita Simone, que pode ser sua concorrente em 2.010.
Desse jeito pode sair arranhado da campanha.

REFLEXÃO-2 E pelo jeito o final deste Governo resumirá em gastar a verba do Ipemat, quitar a folha e nada mais. Será que pelo menos refaz a ponte de madeira sobre o rio Aquidauana ? E ainda faltam 4 meses!

CONFISSÃO do Lula: Política a gente faz com o que a gente tem, e não com que a agente quer. Esse é o jogo real da política que precisou ser feito em quatro anos para que chegássemos a uma situação altamente confortável.

ARTISTAS. Muitos deles sacanas, hipócritas. O ator global Paulo Betti entrou nesta lista ao elogiar Lula com a afirmação asquerosa: “Não vamos ser hipócritas; eu acho que não dá para fazer política sem sujar as mãos.”

LUIZ GONZAGA. “Quem dá uma esmola a um homem que é são/ ou lhe mata de vergonha, ou vicia o cidadão”. Sempre atual sua música condenando os malefícios do paternalismo eleitoreiro. ( leia-se Bolsa Família).

DEBATES. Pelo menos esse da Guanandi um desastre! Só André e Delcídio prendiam a atenção do eleitor. Os demais – sem conteúdo - nem sequer conseguiam usar o tempo disponível. E o pior: sem perspectiva de melhora.

FRANCAMENTE...Os partidos nanicos abusando da nossa paciência com figuras e propostas sem consistência . Quem sabe a clausula de barreira acaba com esse festival de besteiras. Ora! Tudo tem limite!

NA TELA. As pesquisas mostram o fracasso do horário eleitoral. Só bobagens e temas acessórios. Não esclarece e nem influencia o eleitor. O único benefício: vai adiar por um mês o horário de verão. Já é alguma coisa.

IGUAIS. Horríveis os programas em todo País. Até em São Paulo, onde imaginava-se que o nível fosse outro, degringolou de vez. Um candidato de Araçatuba, por exemplo, aparece montado num avestruz. Pode!

SALVANDO A PÁTRIA. Com a quebra da Encól, a Prefeitura da capital é a principal fonte de empregos na área. Só nas seis frentes de obras de esgoto gerou 500 vagas entre operários, técnicos e engenheiros.

MISTÉRIO. A imprensa chapa branca não fala, mas o pessoal do distrito de Antônio Maria Coelho está revoltado com o projeto da siderúrgica do Eike Batista. Vai poluir as nascentes e queimar nossa madeira.

ENTENDAM. Evo Morales descobriu: havia mutreta e cassou a licença da siderúrgica. Nem mesmo o dedo do Zé Dirceu resolveu e agora ganhamos esse “presente de grego”. E a ministra Marina Silva, sumiu?

É O FIM... E nós imaginando que já havíamos visto tudo. Para se eleger ao Senado, Collor espera a cassação do favorito Ronaldo Lessa e tem que vencer Tomaz Nono (PFL). E mais: declarou apôio a Lula.

VALE TUDO. Um candidato à deputado estadual tucano anunciando na propaganda sua absolvição na Justiça (corrupção de menores, etc.) Não seria o caso dos dirigentes fiscalizarem os textos dos candidatos?

LULA & DELCÍDIO. À exemplo de São Paulo, com Mercadante lá embaixo, a tática de colar a figura de Lula ao candidato Delcídio não tem funcionado. A eleição é local e o eleitor separa bem uma coisa da outra.

SERGIO ASSIS. Sumiu do mapa. Não tem aparecido na mídia. Imaginava-se que ele teria maior espaço devido a sua ligação com a Igreja Católica. Aliás, há pouquíssima referencia ao seu nome no horário eleitoral.

ANDRÉ & NELSINHO. Cada qual ao seu estilo, mas afinados. Na festa do comitê tucano ambos soltaram o verbo com críticas contundentes aos adversários. Edmar Neto e Ramez foram outros dois muito aplaudidos.

JOÃO GRANDÃO. Mantém o texto inicial no horário eleitoral na TV. e tem evitado a imprensa para não se desgastar. Como seu eleitorado é fiel e das classes C-D, ainda teria chances. O problema seria o Conselho de Ética.

DA FARDA. Não há dúvida. A denúncia contra o cel. Gustavo, dono de um site ligado a prostituição, acabará atrapalhando o discurso do candidato coronel Ivan. Sem contar a concorrência do vereador cabo Almi.

E... REAGE? Mudar radicalmente o discurso para chegar ao 2º turno é a missão quase impossível de Alckmin. Está solito! Enquanto FHC só tem pose, Lula antecipou o 13º dos aposentados. Desse jeito é covardia!

Coluna de responsabilidade de Manoel Afonso/comentarista da TV Record

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Sexta, 25 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)