Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

07/11/2005 06:34

Leia a íntegra do Café com o Presidente

ABr

Luiz Fara: Bom dia amigos em todo o Brasil, começa agora o Café com o Presidente, o programa de rádio do presidente Lula. Esta semana, vamos falar sobre o trabalho que o governo está fazendo para aumentar a produção e o consumo de pescado e, ao mesmo tempo, melhorar qualidade de vida dos pescadores do litoral e do interior do país. O presidente Lula esteve pessoalmente em Salvador, na Bahia, onde participou do início do recadastramento dos trabalhadores que vivem da pesca. E dias atrás, gravamos com ele um rápido bate-papo sobre esse assunto. O presidente Lula explicou que a carteirinha do pescador é uma pequena parte da política social desenvolvida pelo governo para atender a uma população que durante anos recebeu pouca atenção do poder público.

Em que sentido, presidente, o recadastramento pode contribuir para melhorar a condição de vida do pescador?

Presidente Lula: Veja bem Luiz, eu acho que foi importante o que fizemos em Salvador porque os pescadores são uma categoria praticamente abandonada no Brasil inteiro, ou seja, na época que não tem peixe, por exemplo, na época do defeso, que é a época que você fica proibido de pescar, eles não tem salário. Então, nós estamos tratando de dar o salário desemprego, estamos tratando de dar auxílio-maternidade para garantir que as pessoas possam viver condignamente. Esse foi um dado muito importante. Nós acreditamos que vamos recadastrar 600 mil pescadores, estamos dando uma carteirinha que não pode ser falsificada, uma carteirinha feita pela Casa da Moeda. E, quando o trabalhador pegar essa carteirinha, não é uma carteirinha que ele está pegando, na verdade ele está pegando cidadania. Ou seja, ele vai ser reconhecido com dignidade aonde ele passar porque ele passa a ser um cidadão reconhecido com trabalho levado a sério. Porque quando uma pessoa está comendo um peixe dentro de casa, muitas vezes não tem noção do sacrifício que foi alguém pegar aquele peixe para ele comer. Às vezes, um pescador foi dez vezes com seu barquinho pescar e não conseguiu pegar e, quando ele pega nem sempre o preço que ele vende é importante.

Luiz Fara: Presidente, e crédito? Além de conquistas como as que o senhor citou - seguro defeso, auxílio doença e assistência técnica - o pescador precisa de crédito. Principalmente o pescador artesanal, que trabalha praticamente para garantir o sustento da família. Esse trabalhador não tem hábito, nem estrutura para conseguir empréstimo bancário. Nessa área o governo tem algum tipo de apoio ao pescador?

Presidente Lula: Nós anunciamos também em Salvador o financiamento de barco. Ou seja, da mesma forma que a gente financia uma televisão, da mesma forma que a gente financia um carro, da mesma forma que a gente financia uma geladeira, eu vou financiar um barquinho. Um barquinho para que a pessoa possa pagar prestações e ter o seu instrumento de trabalho para poder sustentar-se e a sua família. É assim Luiz que eu vejo que o Brasil entrou em uma rota que me deixa muito otimista e uma rota que não tem retorno. Eu sei que tem gente que fica nervoso, eu sei que sobretudo alguns de oposição ficam torcendo para as coisas não darem certo. Mas, independente disso, meu caro, as coisas vão dar mais certo do que alguém já podia imaginar nesse país. E vão dar por quê? Porque o povo está participando. Porque o povo está acreditando. Porque eu tenho consciência de o que nós fizermos para esse povo, apenas estamos cumprindo com a nossa obrigação, não estamos fazendo favor. Durante muito tempo essa parte pobre da população foi esquecida. Só era lembrada na época das eleições. Na hora que vão pedir voto, só se fala de pobre, não se fala de rico. Mas, na hora de governar se governa para os ricos e não para os pobres. E nós estamos colocando os pobres como o ator principal dessa política.


Luiz Fara: Obrigado, presidente. E duas dicas para você pescador, que está nos ouvindo agora. Primeiro sobre o recadastramento: 50 técnicos da Secretaria de Aquicultura e Pesca estão percorrendo todas as comunidades para fazer as novas carteiras. Se você tiver alguma dúvida, converse com a direção de sua colônia ou procure o escritório da Secretaria da Pesca, na sua região. O recadastramento vai até o mês que vem, dezembro. E um detalhe: a carteira, que custava R$ 10, agora é de graça. Isso mesmo: não é preciso pagar para ter a nova carteira de pescador.

E quem ficou interessado no crédito para a compra ou reforma de barco, o caminho é o seguinte: procure o Banco do Brasil, o Banco do Nordeste ou o Banco da Amazônia e diga que você quer tirar um empréstimo no Pronaf Investimento. Você pode emprestar de R$ 6 mil a R$ 150 mil. E os juros são de 8,7% ao ano. Vou repetir: a linha de crédito para pescadores é o Pronaf Investimento que está disponível no Banco do Brasil, Banco da Amazônia ou Banco do Nordeste.

Luiz Fara: Bem, amigos, o Café com o Presidente fica por aqui. Quem quiser pode acessar nosso programa também na internet, no endereço: www.radiobras.gov.br. Um braço e até segunda que vem

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)