Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

21/10/2005 14:58

Leia a coluna Amplavisão, por Manoel Afonso

Manoel Afonso

SERENO. Fui ver de perto o senador Cristóvam Buarque e gostei. Depois de Darcy Ribeiro é o último pensador. Deve ser preservado de uma candidatura ao Planalto em 2.006 (PDT) para o bem do próprio país.

O SENADOR tem conteúdo. Diz que as propostas do PT e PSDB são quase iguais e é preciso achar uma brecha entre elas. Para ele, o PDT deve ocupar esse espaço. E lembra: a globalização mudou o mundo.

QUASE NADA! Será que o Congresso vota a tal MP do Bem em 2.005? Fora isso deve votar o Orçamento de 2.006, as MPs que travam a agenda e talvez, a MP que acaba com a verticalização. É... ninguém é de ferro.

DELCÍDIO. Voa alto e tem acesso direito ao Planalto. Como presidente da CPI ficou forte. Tem o sigilo bancário de muita gente. Não perderá o sono se não disputar o Governo. Tem falado com todos. Até com o italiano!

SCHIMIDT. Continua ótimo! Do pessoal que está aí, é o melhor papo. Gosta de ler e filosofar, usa metáforas e ironias sutis nas colocações. Acha por exemplo que Delcídio jamais teve postura de candidato.

O EX-CONSELHEIRO é hábil nos bastidores, orienta vereadores, prefeitos e deputados. Neste deserto, é um oásis, com equilíbrio, coerência e excelente formação humanística. E isso faz a diferença. E como faz!

DELÚBIO SOARES. “...Respeito a ingenuidade. Não sei no entanto de onde imaginam que o dinheiro viria – se do céu, num carro puxado por renas e conduzido por um senhor vestido de vermelho...”

MOKA. Médico de formação, no episódio da aftosa declarou: “Dagoberto não entende de Agricultura”. Sobre o fato, Dagoberto disse-me: “O Moka ligou-me pedindo desculpas. Diz ter sido mal interpretado pela imprensa.”

JUSTIÇA & POLÍTICA. O ministro Nelson Jobim persegue o sonho de ser o candidato à vice de Lula. Aceitou a tese de Zé Dirceu no STF e tentou influir nos colegas, mas caiu do cavalo. Vale a pena ficar de olho nele!

FUTURO. A ala governista do PMDB costura aliança com Lula. A outra ala, de Rigoto, Requião, Temer e Garotinho quer candidatura própria. Anotem: o ex-governador do Rio vai dar um trabalho danado e irá até o final.

NA ASSEMBLEIA. Jerson insiste na tese de que Londres será o senador de André para liquidar a fatura de vez. Se a tese se confirmar, tem meia dúzia de deputados sonhando com a presidência ou secretaria da Casa.

DEPUTADO Jerson mostra a incoerência do plebiscito do desarmamento. Em Camapuã, os soldados sem armas adequadas e munição suficiente, enquanto em Figueirão os policiais não tem uma viatura sequer. Pode isso?

“SÃO NUNCA”. Para amainar os estragos, o Governo anuncia que vai indenizar os produtores de reses sacrificadas. Mas lembro: o Governo é mau pagador e a burocracia é contra o contribuinte. Portanto...

NA MÍDIA. O PT local veiculando filmetes na TV. tentando mostrar a força do partido nas últimas eleições internas. Mas o PT perdeu o encanto aos olhos do eleitor apartidário. Virou agremiação da elite sindical.

A FRASE “...esse fenômeno de transfiguração ética pelo deslumbramento exercido pelo poder político não é novidade...”, de autoria do dep. Paulo Delgado, relator no caso do Zé Dirceu , caiu como uma luva no Brasil atual.

CONSTATAÇÃO. O tal fenômeno da transfiguração ética pelos detentores do poder é normal por aí. Sem limites, se acham intocáveis e crêem na impunidade. Maluf é o único corrupto que foi em cana. E os outros?

E AGORA? Pode até não dar em nada no final, mas repercute mal à beça a quebra do sigilo bancário, fiscal e telefônico do governador Zeca. Esse tal “Porto de Murtinho” dará muita munição para a oposição. Aliás, já deu!

NELSON TRAD. A opinião pública está de olho nele. Sabe que não pode errar ou fazer o jogo do diabo como relator do processo de Roberto Brant. Quem o conhece, sabe de seus predicados e postura serena. Daí...

“ESPERANÇA”. Ex-atletas, picaretas, artistas e até a secretaria que posou nua, de olho na política. O filho do Collor e a ex-mulher Roseane também! Com representação política deste naipe, estamos fritinhos da silva.

ORÇAMENTO-2.006. Os deputados estão de olho nele. Engordou 25% em relação ao atual. Num ano de eleição todos querem um pedaço de vantagens. Vai ser um puxa estica danado, mas no final todos se entendem. Sacou?

REELEIÇÃO. Sem um fato novo Lula pode chegar lá. Em 2.006 serão mais de 11 milhões de famílias beneficiadas com o programa segurança alimentar. Multiplicando por 4 pessoas, terá 44 milhões de votos garantidos.

A FATURA. Independentemente do resultado, alguns políticos saíram com dividendos do referendo do desarmamento. Aproveitaram os microfones e holofotes para expor suas idéias e lembrar aos eleitores que “estão vivos”.




Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)