Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

30/12/2005 15:29

Leia a coluna Ampla Visão de Manoel Afonso

“COMO UMA ONDA”. Nada do que foi será/ de novo do jeito que já foi um dia/ Tudo passa sempre passará/ A vida vem em ondas como o mar/ num indo e vindo infinito. Tudo o que se vê não é/ igual ao que a gente viu a um segundo/ Tudo muda o tempo todo no mundo/ não adianta fugir, nem mentir pra si mesmo agora, há tanta vida lá fora, aqui dentro sempre...como uma onda no mar/ como uma onda no mar...como uma onda no mar.

ARNALDO JABUR: O Brasil está entregue a Ditadura da mentira, manipulada pelo Governo com a conivência dos Poderes, num fogo de “barata voa” com as denuncias, provas cabais, evidencias solares, tudo diante dos olhos impotentes da opinião pública e os intelectuais e homens notáveis do País estão calados.”

MARISA SERRANO. ...a mim o poder não fascina, nem assusta...se necessário for, de abrir mão do poder, ele não é a causa ultima da minha vida, a causa ultima da minha vida é ser feliz e a felicidade pode não estar na detenção do poder. (Revista Impar).

OLHEIRA. Ex-vereadora Nelly Bacha atenta aos problemas da capital. Poluição na área central, arborização, invasão e péssimo estado das calçadas e fiação dos postes são pontos focados por ela e que merecem atenção.

LOUCURA. A Rede Globo mostra alguns locais do País onde há progresso e alardeia que há espaço profissional. Moral da história: tem havido corrida de desempregados rumo a essas cidades citadas.

CHAPADÃO DO SUL, Maracajú, e São Gabriel: pólos do agronegócio, não podem ser vistos como eldorados. Ora! A mecanização das grandes lavouras limita a mão de obra, e na zona urbana não há oferta de empregos.

LEMBRETE. Os filhos da terra estudam foram e sonham na volta em busca de espaço. Dentistas, advogados, agrônomos e médicos é que não faltam nestas cidades. Assim, não se iludam: a concorrência é grande.

PARTIDOS NANICOS. Quem não tiver 5% dos votos para deputado federal em todo o país e 1% dos votos em pelo menos 5 Estados, ficará sem a grana do Fundo Partidário , espaço no rádio e TV. Chatice a menos.

É CEGO?“ Estamos discutindo nomes no vazio. Não acredito em nenhum candidato que está aí. O grande candidato da oposição ainda não apareceu. Por enquanto o país está totalmente órfão” ( dep. Ronaldo Caiado)

1-EDUCAÇÃO. “Hoje, ficou mais difícil fechar do que abrir uma faculdade particular, porque implica perder investimentos, desfazer laços políticos. E o que dizer das graduações rápidas, de 2 anos com planos especiais de pagamento?

E MAIS... É horrível até a linguagem usada nestas “promoções” do ensino. Faculdades assim vendem a ilusão do diploma como símbolo de status e de participação no mundo da cultura. (Olgária Matos, filósofa-USP)

UMA GUERRA. No apagar das luzes, prefeitos, deputados e senadores tentam garantir recursos. Complicado, pois as regras são mais políticas que técnicas. Quem não tiver esquema ou cacife dança. Sacou?

“ENGRAÇADO”. Ninguém teve peito para convocar o filho do Lula, para explicar como ele conseguiu convencer a Telemar a investir 5 milhões de reais na sua firma de fundo de quintal. Esse país não tem jeito.

VERDADE. As “pérolas” verificadas nos vestibulares retratam bem o nível cultural da garotada. Mas como ensino virou indústria, sempre cabe mais um. Entrar é fácil, difícil é sair dela e sem o necessário.

ZECA NOEL. De olho no Senado, nosso governador, mesmo sem gorro e barba branca, cumpriu uma agenda e tanto pelo interior para distribuir cestas de Natal. Ele espera que o eleitor retribua, lá na frente.

BERTOLD BRECHT. “Acredite apenas no que seus olhos vêem e seus ouvidos ouvem! Também não acredite no que seus olhos vêem e seus ouvidos ouvem. Saiba também que não algo significa algo crer.”

FUROU. Pelo menos para as lojas de eletrodomésticos, as vendas do Dia das Mães foi melhor que do Natal. Dividas anteriores, temor de 2.006 e os gastos tradicionais de janeiro: os motivos principais da retração.

REFLEXÃO. Essa tarefa de viver. A mera suposição de que o dinheiro pode comprar tudo, é a afirmação mais simplória da própria estupidez, que leva, mais dia, menos dia, o homem ao psiquiatra e a beira do inferno.

LEITOR e usuário do terminal de ônibus da Av. Bandeirantes, na capital, reclamando nestes termos: “péssimas as condições e insuportável o mau cheiro que exala do banheiro e atinge o local da lanchonete. Socorro.”

HOMENS & PIPOCAS: “ Milho de pipoca que não passa pelo fogo, continua milho de pipoca a vida inteira. É como as pessoas de casca dura, que por medo ou presunção continuam na mesmice por toda vida: duras e amargas. Se recusam a mudar: por ignorância ou falta de sensibilidade. Acham que são o que são – que sabem tudo e ponto final. E assim como as “pipocas teimosas”, não vão se transformar em flor branca, macia e nutritiva. Não vão dar alegria pra ninguém. Continuarão piruás, rejeitadas no fundo da panela porque se recusam a estourar e se transformar para melhor O fogo da vida, representado pela dor, uma decepção, a perda de um amor, de filho, da mãe ou abalo na situação econômica, pode transformar piruás em doces pipocas. Basta entender os sinais do “fogo da vida”. Que em 2.006, tenhamos menos piruás, e mais pipoca

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)