Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

21/09/2008 09:32

Lei Seca gera economia de R$ 11 milhões no estado de SP

Vinicius Konchinski /ABr

São Paulo - Os três primeiros meses de vigência da Lei Seca já reduziram em R$ 11 milhões o valor dos gastos com o atendimento a vítimas de acidentes de trânsito do sistema de saúde do estado de São Paulo. De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde, o valor economizado é equivalente ao gasto anual com a compra e distribuição de medicamentos básicos para toda a população da cidade de São Paulo.

Dados contabilizados até o último dia 15, mostram também que o número de atendimentos a vítimas de colisões de veículos, quedas de motocicletas e atropelamentos caiu quase pela metade na Grande São Paulo, desde a vigência da Lei Seca.

A secretaria informa que nos três meses anteriores à sanção da lei, 24.687 pessoas acidentadas foram atendidas nos 30 hospitais estaduais da região metropolitana. Três meses depois da lei, o número caiu para 13.902 atendimentos - redução de 10.785 acidentados.

Em nota, a Polícia Militar de São Paulo (PM-SP) afirma que, também até 15 de setembro, 438 motoristas foram autuados por dirigir alcoolizados na capital do estado, sendo 149 em flagrante. Segundo a PM-SP, 12.374 pessoas foram abordadas em operações e 5.740 foram submetidas ao teste do bafômetro.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)