Cassilândia, Quarta-feira, 18 de Outubro de 2017

Últimas Notícias

08/04/2013 08:01

Lei mudou, mas igreja ainda não sabe como será cerimônia de casamento gay

Elverson Cardoso, Campo Grande News
Provimento que autoriza casamento gay no Estado foi publicado na terça-feira (2). (Foto: Reprodução/Internet)Provimento que autoriza casamento gay no Estado foi publicado na terça-feira (2). (Foto: Reprodução/Internet)

 

Aprovada recentemente, a decisão judicial que autoriza o casamento gay em Mato Grosso do Sul deve movimentar cartórios mas não deve ter reflexo imediato na Igreja. A católica não tem remota possibilidade de autorizar tal celebração e nem a Anglicana de Campo Grande, a única que aceita abertamente a união de casais homossexuais no Estado, tem uma posição sobre o assunto.

Segundo o reverendo Carlos Eduardo Calvani, padre da Capela da Inclusão, a paróquia ainda não recebeu nenhum casal a procura do ritual, mas, se receber, eles serão informados de que a igreja ainda não pode realizar o casamento, apenas orações e bênçãos em reuniões familiares, o que já ocorre.

A justificativa é de que, como a decisão judicial é nova, a igreja ainda não tem um rito definido para esse tipo de cerimônia aberta ao público. A autorização e o “protocolo” a serem adotados dependem de uma reunião nacional marcada para novembro.

“É meio complicado. Ao mesmo tempo em que a igreja diz respeitar as leis do País, ela não tem, por ser algo novo, um rito próprio para o casamento homoafetivo. Isso precisa ser elaborado”, explicou.

Outro motivo que impede a realização da cerimônia religiosa na Capital é que a comunidade ainda não tem uma capela própria. As missas são realizadas na capela ecumênica do Cemitério Santo Antônio.

O reverendo afirma que a Igreja Anglicana continua a apoiar a união de casais do mesmo sexo e continua a seguir a mesma filosofia. “Estamos no aguardo, com paciência e esperança”, disse, se referindo à reunião marcada para o final do ano.

Apesar do apoio declarado, Calvani explica que o padre, assim como ocorre na Igreja Católica, pode se negar a realizar um casamento, seja de casal hétero ou homossexual.

Para saber mais sobre a Capela da Inclusão em Campo Grande, clique aqui

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 18 de Outubro de 2017
10:40
Goiás, Distrito Federal e São Paulo
10:00
Receita do dia
Terça, 17 de Outubro de 2017
10:00
Receita do dia
Segunda, 16 de Outubro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)