Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

22/05/2008 11:05

Legista do Caso PC diz que Isabella não foi asfixiada

João Prestes/Midiamax

O médico-legista alagoano George Sanguinetti, contratado pela defesa de Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá, acusados pela morte de Isabella Nardoni, disse que provará que a menina não foi asfixiada antes de ser jogada pela janela do 6º andar, na noite de 29 de março. "Não existe asfixia sem marcas externas na região cervical. É só fazer o teste. Aperte delicadamente o pescoço de alguém e veja a reação do organismo. Imagine com muita força!"
O casal está preso preventivamente desde o dia 7. Na segunda-feira, Sanguinetti apresentará o seu parecer. Apesar de seus argumentos favoráveis à defesa do casal, ele se diz isento. "Fui contratado para analisar os autos, não para defender ninguém. E também não tenho elementos para levar uma terceira pessoa à cena do crime", disse.

O médico pedirá aos ''colegas de São Paulo'', que façam algumas retificações. "O que está fundamentado no trabalho da perícia é a defenestração, ou seja, a criança foi atravessada pela tela protetora e jogada. Até aí, tudo bem, mas a esganadura e as agressões não estão fundamentadas", disse.

Um dos questionamentos do legista é a falta do teste para verificar presença de resíduos de pele debaixo das unhas. Segundo o perito, a afirmação de que Isabella foi esganada é fantasiosa. "Vem com essa ilação de que a criança sofreu esganadura, asfixia, perdeu a consciência, a circulação ficou lenta. Isso é novela. Não conseguiram provar. Nenhum perito pode dizer que a pressão subiu ou desceu, que a consciência diminuiu. Isso não existe. Tem de provar." As informações são do Jornal da Tarde.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)