Cassilândia, Domingo, 25 de Junho de 2017

Últimas Notícias

09/02/2007 06:36

Leão: "Ainda tem muita coisa para corrigir”

Corinthians

Goleada por 5 a 0 é sinônimo de uma partida perfeita? Não para o técnico Leão. Mesmo entusiasmado pelo bom desempenho da equipe na segunda etapa, o exigente treinador corinthiano fez questão de lembrar o primeiro tempo difícil que o Corinthians teve. “Estávamos perdendo a primeira e a segunda bola feio. O duro é que tivemos que voltar para o vestiário para corrigir. O ideal é que fosse corrigido dentro de campo, mas o jogador brasileiro é assim”, disse o treinador, que afirmou ter uma atenção especial com os jovens integrantes do elenco corinthiano. “Jovem você tem que corrigir sempre, instruir e alertar, e nós temos muitos jovens ofensivamente. Quando eles acertam a movimentação, sempre sai um numero de gols maiores. Esperamos que isso aconteça de novo.”

Sobre o meia Roger, nome do jogo com quatro gols, Leão fez questão de ressaltar o talento do craque, especialmente na hora da finalização. “Todas as vezes que o Roger fica na frente do goleiro ele não se afoba, não se assusta, e isso é que dá a diferença quando ele está dentro da área”, afirmou o técnico do Timão, que ainda comentou sobre o posicionamento diferente do meia, mais avançado na segunda etapa. “Se vocês notarem, na última partida do ano passado [contra o Juventude], o Roger com o Amoroso se deram muito bem dentro de campo. Ele jogou ofensivo no lado direito de campo e o Corinthians goleou. Hoje, o Willian, com o talento que tem, com o arranque que tem, também o ajudou bastante. É claro que o adversário com um a menos facilitou, mas soubemos aproveitar essa movimentação”, explicou.

Leão também elogiou a atuação do meia Élton, que jogou como ala-esquerda, na segunda etapa. “No segundo tempo o Élton deixou de ser tímido e obedeceu ao avanço que eu peço para ele e para o Rosinei. O Élton não tem que marcar. Os outros é que tem que marcar por ele”, declarou Leão.

Leão aproveitou para falar sobre o clássico de domingo, contra o São Paulo, e disse ser impossível fazer qualquer tipo de projeção. “Clássico não se projeta, se respeita, e existe o respeito mútuo. São dois sistemas completamente diferentes e isso será interessante. Acho que será bom de ver. Só espero que não chova”, analisou. “O São Paulo é um adversário direto, que está ao nosso lado na tabela, por isso é importante vencermos. Só que vamos jogar de novo na casa do adversário. Gostaria que um dia o adversário viesse jogar na nossa casa também, aqui no Pacaembu”, completou o treinador corinthiano.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 25 de Junho de 2017
Sábado, 24 de Junho de 2017
23:07
Loteria
Sexta, 23 de Junho de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)