Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

23/08/2008 13:39

Laudo sobre a queda de ultraleve deve sair em 20 dias

Renato Lima/Campo Grande News

O delegado Nilson Fonseca Martins informou que pode demorar até três semanas o resultado da perícia no local da queda de um ultraleve Flyer, ontem. A aeronave caiu pela manhã, na fazenda do cantor Xororó, entre Ribas do Rio Pardo e Água Clara.

“Entre 15 a 20 dias deve sair o resultado da perícia. Assim poderemos identificar onde exatamente o avião caiu, qual a distância da pista de pouso e da rodovia. E a posição dos corpos”.

Fonseca disse ainda que já solicitou uma análise do motor do ultraleve, dependendo dos danos causados pelo incêndio, será possível também periciar o motor.

Ontem – A aeronave foi encontrada a 189 quilômetros de Campo Grande, incendiada. Os dois ocupantes, Marco Aurélio Pimenta, de 34 anos, e Gerson Garcia Leandro, de 35 anos morreram carbonizados.

Os dois compraram o ultraleve em Birigui e o levaram até o município de Andradina (SP), na divisa com Mato Grosso do Sul. A viagem até Campo Grande, no entanto, foi adiada na época por condições ruins de vento e marcada para hoje.

O avião explodiu com o impacto e queimado a vegetação em um raio de 200 metros ao redor do local.

O acidente ocorreu por volta de 8h20 na fazenda Rancho Fundo, de propriedade do cantor sertanejo Xororó, da dupla Chitãozinho e Xororó. Marco Aurélio e Gerson eram praticantes de pára-quedismo, sendo que um deles saltou antes de a aeronave pousar para abastecimento e cair, em seguida.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)