Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

08/12/2004 07:02

Lanterna: brasileiros têm pior resultado em matemática

Bruna Vieira/ABr

Brasília - Os estudantes brasileiros tiveram o pior desempenho em matemática, no Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa), realizado em 2003. O Pisa é uma pesquisa internacional promovida pela Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE). Em uma média de 500 pontos, o Brasil fez 356, ao lado da Indonésia e Tunísia.

Na escala geral, Austrália e Finlândia ficaram acima da média. Alemanha e Irlanda, na média. Já os Estados Unidos, Itália e México ficaram, junto com o Brasil, abaixo da média. Em 2003, 250 mil alunos de 15 anos de 41 países fizeram uma prova sobre leitura, matemática e ciências, com questões subjetivas e de múltipla escolha.

A prova focou questões de matemática. No país, o Pisa foi aplicado pelo Instituto de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), do Ministério da Educação (MEC). Foram avaliados quase 4.452 alunos de escolas públicas e privadas, das áreas urbana e rural, das cinco regiões.

Segundo o estudo, mesmo com baixo aproveitamento, o Brasil teve o maior índice de crescimento em duas áreas de matemática e manteve a média em leitura e ciências. Em ciências, o Brasil ficou em penúltimo lugar e em leitura aparece na 36° posição. De acordo com a pesquisa, há uma distorção entre idade e série no Brasil, já que existem alunos de 15 anos matriculados no ensino fundamental e no ensino médio.

Para o Presidente do INEP, Eliezer Pacheco, é preciso enfrentar o problema mostrado pelo estudo. "A situação do Brasil, em termos de ensino e aprendizagem, é muito ruim, o que nos leva a adotar medidas não convencionais, como a grande mobilização da sociedade brasileira, envolvendo secretarias municipais, estaduais e universidades, para termos uma educação de qualidade em nosso país", ressalta.

Segundo ele, em 2005, o presidente Luís Inácio Lula da Silva deve centrar esforços em educação e infra-estrutura. Dados do MEC revelam que faltam no pBrasileiros aís 200 mil professores para ensinar química, biologia, física e matemática.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)