Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

19/05/2015 14:01

Juvenal Neto vê falência iminente dos municípios se não houver união de todos

Assomasul

O presidente da Assomasul, Juvenal Neto (PSDB), defendeu nesta segunda-feira (18), ao participar do 1º Encontro das Associações Estaduais de Municípios do Centro-Oeste, em Goiânia, um pacto de união no sentido de garantir avanços em favor dos municípios.

Além de Neto, participaram do ato dirigentes das associações de municípios dos demais estados do Centro-Oeste, além de Tocantins e Rondônia.

Apesar de otimista quanto ao resultado positivo das mobilizações permanentes em favor dos municípios, Neto adverte sobre a iminente falência das prefeituras se não houver união dos agentes públicos e da bancada federal.

O presidente da Assomasul avaliou que o encontro em Goiânia foi de extrema importância para a região.

“Tenho certeza que vamos avançar em assuntos fundamentais para nossos municípios. Há a necessidade de nos unirmos e pensarmos a curto, médio e longo prazo. Sem a união, teremos em um futuro bem próximo a falência total dos municípios”, previu em entrevista ao site oficial da AGM (Associação Goiana dos Municípios).

O evento visa a maior integração entre essas entidades, a fim de promover o intercâmbio de experiências e o fortalecimento do movimento municipalista, sobretudo nessas regiões que possuem uma realidade semelhante diante das dificuldades e também das qualidades.

Atento as discussões de interesse dos municípios, Neto está mobilizando os prefeitos de Mato Grosso do Sul para a XV III Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, que ocorre de 25 a 28 deste mês.

Neto acha que a participação maciça dos agentes públicos durante o ato é muito importante para que a as reivindicações a serem apresentadas durante a Marcha a Brasília, liderada pela CNM (Confederação Nacional de Municípios), sejam atendidas.

Durante o ato, Neto trocou impressões com o presidente da FGM (Federação Goiana de Municípios), Divino Alexandre, que como ele concorda que a revisão do Pacto Federativo é uma prioridade.

“Para a carga de obrigações que está sendo colocada sobre o municípios tem que ter recursos suficientes. Não tenha dúvida, é o município que está bancando grande parte da Saúde e da Educação”, ponderou Alexandre. “É o hora dos prefeitos se unirem, mais ainda, em prol desta luta por melhorias”, salientou.

CARTA DE GOIÂNIA

Ao final do encontro em Goiânia, os presidentes e representantes das entidades municipalistas apresentaram uma carta de resoluções.

Entre os pontos principais, estão a luta para a realização do repasse do FEX de 2015, a logística no setor de transportes e a necessidade de fomento ao desenvolvimento regional integrado.

A carta estabelece ainda a periodicidade das reuniões e o apoio à pauta municipalista da CNM e oficializa a criação do Fórum.

O presidente da Associação Goiana de Municípios (AGM), Cleudes Baré Bernardes, fez um balanço positivo do encontro.

“O encontro permitiu a definição de uma pauta de trabalho para buscar aquilo que é comum a todos nós, que é melhorar a vida dos nossos munícipes. Nos sentimos honrados de sediar o primeiro encontro em nosso estado e não tenho dúvida que essa iniciativa servirá de exemplo para as outras regiões do país”.

De acordo com o presidente da AMM (Associação Mato Grossense de Municípios), Neurilan Fraga, o encontro foi importante para discutir os gargalos da região. Entre eles, ressaltou a questão do transporte.

“Nossos municípios são penalizados por conta da falta de logística na área de transporte, sobretudo da produção e das nossas riquezas. Também queremos uma presença mais robusta da Sudeco em nossos municípios. Estamos muito otimistas na continuidade desses encontros e que vamos colher frutos com eles”, finalizou o presidente.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)