Cassilândia, Sábado, 29 de Abril de 2017

Últimas Notícias

19/06/2013 06:53

Justiça Eleitoral afasta prefeito e vice de Guia Lopes da Laguna

TRE

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE/MS) confirmou, na sessão plenária desta segunda-feira (17), a sentença proferida pelo Juízo da 22ª. Zona Eleitoral de Jardim, que havia indeferido o registro de candidatura de Ney Roberto de Souza Marçal (PT) ao cargo de vice-prefeito do município de Guia Lopes da Laguna nas eleições de outubro de 2012 e, por conseguinte, o registro da chapa majoritária municipal formada juntamente com Jacomo Dagostin (PMDB), então candidato ao cargo de prefeito.

O registro da candidatura de Marçal havia sido indeferido em pela juíza eleitoral, Penélope Mota Calarge Regasso, uma vez que este havia sido condenado à cassação de diploma e multa de R$ 20 mil reais, por fato praticado nas eleições de 2004 e, portanto, ainda estaria inelegível quando do registro de sua candidatura em outubro passado.

Entretanto, como o caso ainda estava submetido à apreciação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em razão de recursos que foram interpostos pelas partes, os então candidatos concorreram às eleições de outubro e foram eleitos com 56,39% dos votos válidos.

No julgamento desta segunda-feira, o relator do processo, juiz Heraldo Garcia Vitta, decidiu pela aplicabilidade da Lei Complementar 135/10, a denominada Lei da Ficha Limpa, confirmando a incidência de inelegibilidade ao caso e acrescentando que “sem dúvida que o prazo de inelegibilidade deve-se iniciar com a eleição em relação à qual deu-se a condenação, não se contando até a data exata dos pleitos futuros, mas sim considerando o calendário eleitoral fixado quanto à eleição no oitavo ano no que se refere ao limite da inelegibilidade”.

A decisão foi unânime e, considerando que os candidatos obtiveram mais de 50% dos votos válidos, um novo pleito será convocado no município de Guia Lopes da Laguna.

A data da realização da nova eleição será fixada pelo TRE-MS, por meio de resolução, que deverá também prever os prazos e as instruções para o novo pleito.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 29 de Abril de 2017
Sexta, 28 de Abril de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 27 de Abril de 2017
13:24
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)