Cassilândia, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

19/06/2013 06:53

Justiça Eleitoral afasta prefeito e vice de Guia Lopes da Laguna

TRE

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE/MS) confirmou, na sessão plenária desta segunda-feira (17), a sentença proferida pelo Juízo da 22ª. Zona Eleitoral de Jardim, que havia indeferido o registro de candidatura de Ney Roberto de Souza Marçal (PT) ao cargo de vice-prefeito do município de Guia Lopes da Laguna nas eleições de outubro de 2012 e, por conseguinte, o registro da chapa majoritária municipal formada juntamente com Jacomo Dagostin (PMDB), então candidato ao cargo de prefeito.

O registro da candidatura de Marçal havia sido indeferido em pela juíza eleitoral, Penélope Mota Calarge Regasso, uma vez que este havia sido condenado à cassação de diploma e multa de R$ 20 mil reais, por fato praticado nas eleições de 2004 e, portanto, ainda estaria inelegível quando do registro de sua candidatura em outubro passado.

Entretanto, como o caso ainda estava submetido à apreciação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em razão de recursos que foram interpostos pelas partes, os então candidatos concorreram às eleições de outubro e foram eleitos com 56,39% dos votos válidos.

No julgamento desta segunda-feira, o relator do processo, juiz Heraldo Garcia Vitta, decidiu pela aplicabilidade da Lei Complementar 135/10, a denominada Lei da Ficha Limpa, confirmando a incidência de inelegibilidade ao caso e acrescentando que “sem dúvida que o prazo de inelegibilidade deve-se iniciar com a eleição em relação à qual deu-se a condenação, não se contando até a data exata dos pleitos futuros, mas sim considerando o calendário eleitoral fixado quanto à eleição no oitavo ano no que se refere ao limite da inelegibilidade”.

A decisão foi unânime e, considerando que os candidatos obtiveram mais de 50% dos votos válidos, um novo pleito será convocado no município de Guia Lopes da Laguna.

A data da realização da nova eleição será fixada pelo TRE-MS, por meio de resolução, que deverá também prever os prazos e as instruções para o novo pleito.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
11:00
Mundo Fitness
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)