Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

13/12/2007 14:38

Justiça desbloqueia parte de prêmio da Mega-Sena

A 4ª Câmara de Direito Civil do Tribunal de Justiça, liberou, nesta quinta-feira, parte do prêmio do concurso 898 da Mega-Sena, bloqueado desde o mês de setembro pela Justiça. Foi determinado o desbloqueio de 1/6 (aproximadamente R$ 4 milhões) do valor total de cerca de R$ 27 milhões.

Por votação unânime, os três desembargadores decidiram que Altamir pode retirar a quantia bloqueada. Apenas um magistrado, Nelson Schaefer Martins, havia votado no sentido de liberar dois terços do valor bloqueado judicialmente desde o dia 5 de setembro, mas teve voto vencido.

Apesar da sessão ser pública, nenhum desembargador ou advogado das partes envolvidas quis comentar a decisão. O caso de patrão e empregado da cidade de Joaçaba, na região oeste do Estado, tomou repercussão nacional depois que o funcionário Flávio acusou o ex-patrão de ter se apropriado de seu jogo de loteria. Em decisão inédita, a justiça de Santa Catarina bloqueou o prêmio até que o mérito seja julgado.

A decisão de hoje no agravo de instrumento impetrado por Igreja, ainda pode ser contestada por Biassi. O restante do valor ainda continuará bloqueado até que a Justiça decida quem deve ser o beneficiado pelo prêmio do concurso 898.

Redação Terra

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)