Cassilândia, Terça-feira, 23 de Maio de 2017

Últimas Notícias

17/05/2017 07:33

Justiça dá 60 dias para que UEMS forneça transporte a pessoas com deficiência

Midiamax

Após pedido do MPE-MS (Ministério Público Estadual), a Juíza de Direito Flávia Simone Cavalcante determinou que a UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) forneça em até 60 dias, transporte adequado para as pessoas com deficiência. O MPE move ação civil pública contra a Universidade.

O transporte deverá ser ofertado aos servidores e aos alunos. Um dos servidores, um cadeirante lotado no no Campus Universitário de Cassilândia, a 430 km de Campo Grande, na zona rural da cidade.

Ele relatou que, apesar de ser fornecido transporte aos servidores, o serviço não é adaptado para o transporte de cadeirante, e, por isso, está se locomovendo até o trabalho em veículo próprio. “Mesmo solicitado providências à Instituição, não foi atendido em seu direito”, afirma o MPE.

O MPE afirma que a promotora de Justiça, Aline Mendes Franco Lopes, expediu Recomendação à UEMS, “porém, a Universidade informou que não há veículos adaptados para colação na unidade, e sugeriu ao servidor a cedência para outro órgão público, ou ainda, o exercício de suas atividades laborativas em domicílio”.

“A Promotora de Justiça sustenta que, embora a Universidade tenha ofertado alternativas para solucionar o problema da pessoa com deficiência, pleiteia-se que haja tratamento isonômico entre todos os servidores da Instituição”, comenta o MPE.

O Jornal Midiamax consultou a UEMS, por meio da assessoria de comunicação, mas ainda não obteve resposta.

 

Matéria de autoria da jornalista Izabela Sanchez, do Midiamax

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 23 de Maio de 2017
Segunda, 22 de Maio de 2017
21:25
Loteria
10:00
Receita do Dia
Domingo, 21 de Maio de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)