Cassilândia, Segunda-feira, 16 de Setembro de 2019

Últimas Notícias

20/05/2005 13:20

Juros do novo crédito fundiário é de 30% a 40% menor

Fernanda Mathias e Malu Prado / Campo Grande News

As taxas de juros do Programa Nacional de Crédito Fundiário, que vai injetar R$ 500 milhões em todo o País, são de 30% a 50% menores que as do antigo Banco da Terra, segundo explicou esta manhã o diretor nacional de Crédito Fundiário do MDA (Ministério do Desenvolvimento Agrário), João Leonel dos Anjos.
Ele participa de audiência na Assembléia que discute o Banco da Terra e que foi provocada pelo deputado Semy Ferraz (PT). Anjos destacou que o principal erro ocorrido em Mato Grosso do Sul foi justamente a implantação de linha com juros elevado, não atingindo o público principal e favorecendo pessoas que se aproveitaram do recurso para fazer negócio, vendendo terras.
Enquanto no Banco da Terra os juros eram de cerca de 10% no programa oscila de 3% a 6%. Além disso prevê outras facilidades, como pagamento de financiamentos de até R$ 15 mil em 14 anos e com carência de dois anos. Antes o Banco da Terra só financiava a terra e fra-estrutura básica e agora passa a contemplar a de produção. O desconto por assiduidade que incidia nas taxas de juros, de 50%, agora é de 40% e passa a incidir sobre os valores emprestados.
“A diferença é que teremos mais transparência, monitoramento on line”, afirmou João Leonel. Questionado sobre a burocracia, apontada como uma das principais barreiras ao crédito, disse que os os mecanismos de controle são necessários para contemplar pessoas com perfil da terra e evitar a venda de lotes. Participam do evento representantes de várias entidades como a Fetagri (Federação dos Trabalhadores na Agricultura), UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) e Uniderp (Universidade para o Desenvolvimento do Estado e da Região do Pantanal).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 16 de Setembro de 2019
Domingo, 15 de Setembro de 2019
10:00
Receita do Dia
09:00
Santo do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)