Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/02/2008 06:59

Júri desclassifica crime de pedreiro

TJGO

Em sessão presidida pelo juiz Antônio Fernandes de Oliveira, do 2° Tribunal do Júri de Goiânia, foi julgado, na última sexta-feira (8), o pedreiro Sílvio Pereira de Lima Castro, de 32 anos. Os jurados acolheram a tese da defesa e desclassificou o crime para lesão corporal, praticado contra o servente de pedreiro Sebastião Pires Júnior, 36. O Ministério Público se bateu pela acusação, mas a defesa conseguiu convencer os jurados de que houve apenas lesão corporal. O crime ocorreu na tarde de 22 de novembro de 2002 entre os setores Estrela Dalva e Jardim Curitiba.

Segundo o juiz "com o advento da Lei Federal n° 9.099/95, ocorrendo no Tribunal Júri a desclassificação para lesão corporal de natureza leve, o procedimento importa, inclusive, em transação penal para aplicação de pena não privativa de liberdade, por constituir infração penal de menor poder ofensivo, preenchidos, evidentemente, os demais requisitos". Como o crime foi classificado como lesão corporal, o caso será encaminhado para o juizado criminal.

De acordo com a denúncia, Sílvio e a vítima tinham divergências havia algum tempo e iniciaram uma discussão na casa da mãe da vítima, onde o réu encontrou Sebastião. Em seguida, rumou para a sua casa onde pegou um facão e voltou para o local da discussão. No entanto, Sebastião já havia saído. Após descobrir que a vítima estava na casa de seu sobrinho, o réu se dirigiu para o local. Sílvio arrombou as portas da casa e ao encontrar a vítima, a agrediu com o facão. Apesar de ferido o servente de pedreiro conseguiu fugir e o réu foi detido pela polícia quando ia atrás dele. (Juliana Faleiro)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)