Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

26/11/2007 06:55

Júri condena pedreiro que matou companheiro de bilhar

TJGO

Por unanimidade, o 2º Tribunal do Júri de Goiânia acolheu a tese redutora de pena do homicídio privilegiado, apresentada pela defesa em plenário, e condenou no último dia 22, o pedreiro Wanderlei Custódio de Jesus, de 43 anos, a 4 anos de reclusão por ter matado o auxiliar de serviços gerais Jurandir Rodrigues da Silva, então com 40 anos. Wanderlei cumprirá a pena em regime aberto, na Agência Goiana do Sistema Prisional, conforme orientação do juiz da Vara de Execuções Penais (VEP). Ao proferir a sentença, o juiz Antônio Fernandes de Oliveira, que presidiu a sessão, justificou que a VEP é suficiente para atender o caráter de reprovação da conduta e sua finalidade de prevenção individual e geral. O crime ocorreu por volta das 15h30 de 21 de setembro de 2001, em um bar localizado na Rua Maria Gisele, Residencial Vale dos Sonhos.

De acordo com a denúncia, os dois discutiram após o réu ter se negado a disputar uma partida de bilhar apostada, por proposta da vítima. Ainda segundo os autos, logo depois de pagar a conta, Wanderlei chamou Jurandir para conversar, do lado de fora do estabelecimento, ocasião em que efetuou vários tiros contra ele. Durante o interrogatório, o pedreiro confirmou a autoria do crime mas disse que não chamou Jurandir para conversar e que só atirou porque a vítima levou a mão à cintura e pensou que fosse uma faca. Wanderlei informou também que, ao chegar ao bar, o auxiliar, que já estava no local, passou a xingá-lo e que seis meses antes do crime haviam brigado em outro estabelecimento. (Sheila Cavalcante)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)