Cassilândia, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

17/06/2007 10:04

Júri absolve artesão considerado inimputável

TJGO

Acolhendo parecer do Ministério Público estadual (MP) e pleito da defesa, o 1º Tribunal do Júri de Goiânia absolveu na última sexta-eira o artesão Valdivino Moreira Tavares, de 42 anos, que fora pronunciado por ter matado Antônio Carlos de Oliveira, 29. A decisão dos jurados teve por base resultado de incidente de insanidade mental, realizado pela Junta Médica Oficial do Tribunal de Justiça de Goiás, atestando que Valdivino é inimputável pois sofre de doença mental e, na época em que cometeu o crime, era inteiramente incapaz de entender o caráter ilícito do fato. Na sentença, o juiz Jesseir Coelho de Alcântara, da 13ª Vara Criminal de Goiânia, determinou que ele cumpra medida de segurança com internação - durante o período mínimo de um ano - em hospital de custódia.

Segundo o MP, o homicídio foi praticado às 10 horas de 19 de setembro de 1992, dentro de um bar, no Jardim Guanabara. Na ocasião, Antônio e um amigo foram até o estabelecimento, onde se encontraram com o réu e Luzia Pereira de Souza. Por ser também amigo de Valdivino, a vítima, que estava embriagada, “brincou” com Luzia, tendo inclusive a oferecido bebida. Logo depois de deixar o bar, Valdivino retornou ao local e desferiu várias facadas contra Antônio. (Sheila Cavalcante)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
11:00
Mundo Fitness
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)