Cassilândia, Quarta-feira, 20 de Setembro de 2017

Últimas Notícias

17/06/2007 10:04

Júri absolve artesão considerado inimputável

TJGO

Acolhendo parecer do Ministério Público estadual (MP) e pleito da defesa, o 1º Tribunal do Júri de Goiânia absolveu na última sexta-eira o artesão Valdivino Moreira Tavares, de 42 anos, que fora pronunciado por ter matado Antônio Carlos de Oliveira, 29. A decisão dos jurados teve por base resultado de incidente de insanidade mental, realizado pela Junta Médica Oficial do Tribunal de Justiça de Goiás, atestando que Valdivino é inimputável pois sofre de doença mental e, na época em que cometeu o crime, era inteiramente incapaz de entender o caráter ilícito do fato. Na sentença, o juiz Jesseir Coelho de Alcântara, da 13ª Vara Criminal de Goiânia, determinou que ele cumpra medida de segurança com internação - durante o período mínimo de um ano - em hospital de custódia.

Segundo o MP, o homicídio foi praticado às 10 horas de 19 de setembro de 1992, dentro de um bar, no Jardim Guanabara. Na ocasião, Antônio e um amigo foram até o estabelecimento, onde se encontraram com o réu e Luzia Pereira de Souza. Por ser também amigo de Valdivino, a vítima, que estava embriagada, “brincou” com Luzia, tendo inclusive a oferecido bebida. Logo depois de deixar o bar, Valdivino retornou ao local e desferiu várias facadas contra Antônio. (Sheila Cavalcante)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 20 de Setembro de 2017
Terça, 19 de Setembro de 2017
10:00
Receita do dia
Segunda, 18 de Setembro de 2017
22:10
Loteria
Domingo, 17 de Setembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)