Cassilândia, Sexta-feira, 25 de Maio de 2018

Últimas Notícias

08/06/2010 23:37

Julgamento de Onevan e Rigo é adiado para segunda-feira

João Humberto, Campo Grande News

Foi adiado para a próxima segunda-feira (14), às 17h, o julgamento dos deputados Ary Rigo e Onevan Matos, no processo em que são acusados de infidelidade partidária movido pelo PDT. Atualmente eles estão no PSDB.

De acordo com Carlos Marques, advogado dos parlamentares, o juiz relator do processo, Luiz Gonzaga, votou pela improcedência da ação, por entender que os deputados tiveram justa causa para sair do partido. Votou com o relator o desembargador Rômulo Leteriello.

O advogado Ary Raghiant Neto pediu vistas e o juiz federal Miguel Florestano antecipou o voto, decidindo pela procedência do pedido. André Borges e o juiz federal Paulo Rodrigues aguardam o pedido de vistas.

O PDT requereu o mandato de Rigo e Onevan, acusando-os de infidelidade. Os parlamentares, por sua vez, contestaram a ação, apontando que houve 'justa causa' (motivo permitido legalmente) para a troca de legenda partidária.

Segundo eles, havia a ameaça de negativa de legenda para que os quatro deputados estaduais da bancada se candidatassem novamente.

Rigo, Onevan e Ivan de Almeida deixaram o partido no final de setembro do ano passado. Antônio Braga, que não é mais candidato, permaneceu.

Ivan não é réu neste processo, visto que não foi eleito pelo PDT, que, por conseguinte, não tinha legitimidade para requerer seu mandato junto ao TRE.

O diretório regional do PDT entrou com a ação na Justiça em 2009, sob o argumento de que Rigo e Onevan se desfiliaram, sem justa causa, do partido pelo qual se elegeram deputados estaduais em 2006.

Rigo e Onevan argumentam que foram perseguidos após a intervenção no partido, organizada pelo diretório nacional e mobilizada pelo deputado federal Dagoberto Nogueira e pelo então presidente regional da legenda, João Leite Schimidt.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 25 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quinta, 24 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quarta, 23 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)