Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

08/06/2010 23:37

Julgamento de Onevan e Rigo é adiado para segunda-feira

João Humberto, Campo Grande News

Foi adiado para a próxima segunda-feira (14), às 17h, o julgamento dos deputados Ary Rigo e Onevan Matos, no processo em que são acusados de infidelidade partidária movido pelo PDT. Atualmente eles estão no PSDB.

De acordo com Carlos Marques, advogado dos parlamentares, o juiz relator do processo, Luiz Gonzaga, votou pela improcedência da ação, por entender que os deputados tiveram justa causa para sair do partido. Votou com o relator o desembargador Rômulo Leteriello.

O advogado Ary Raghiant Neto pediu vistas e o juiz federal Miguel Florestano antecipou o voto, decidindo pela procedência do pedido. André Borges e o juiz federal Paulo Rodrigues aguardam o pedido de vistas.

O PDT requereu o mandato de Rigo e Onevan, acusando-os de infidelidade. Os parlamentares, por sua vez, contestaram a ação, apontando que houve 'justa causa' (motivo permitido legalmente) para a troca de legenda partidária.

Segundo eles, havia a ameaça de negativa de legenda para que os quatro deputados estaduais da bancada se candidatassem novamente.

Rigo, Onevan e Ivan de Almeida deixaram o partido no final de setembro do ano passado. Antônio Braga, que não é mais candidato, permaneceu.

Ivan não é réu neste processo, visto que não foi eleito pelo PDT, que, por conseguinte, não tinha legitimidade para requerer seu mandato junto ao TRE.

O diretório regional do PDT entrou com a ação na Justiça em 2009, sob o argumento de que Rigo e Onevan se desfiliaram, sem justa causa, do partido pelo qual se elegeram deputados estaduais em 2006.

Rigo e Onevan argumentam que foram perseguidos após a intervenção no partido, organizada pelo diretório nacional e mobilizada pelo deputado federal Dagoberto Nogueira e pelo então presidente regional da legenda, João Leite Schimidt.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)