Cassilândia, Quinta-feira, 18 de Julho de 2019

Últimas Notícias

17/06/2019 20:30

Juíza decreta cassação de Prefeito e Vice por abuso de poder econômico

Campo Grande News

A juíza Tatiana Dias de Oliveira Said, da 12ª Zona Eleitoral de Mato Grosso do Sul, decretou a cassação dos diplomas e dos mandatos do prefeito e vice de Coxim –a 260 km de Campo Grande–, respectivamente Aluizio São José (PSB) e Edvaldo José Bezerra. A decisão atende pedido da chapa A Força do Povo e Amor a Coxim, sendo apresentada em 2017 à Justiça Eleitoral –a partir de denúncia referente à disputa eleitoral no ano anterior– apontando irregularidades na propaganda eleitoral na internet e abusos de poder econômico, político e de autoridade.

A chapa de prefeito e vice foi denunciada por uso indevido de meios de comunicação social, considerada forma de abuso de poder econômico ou político, com a veiculação de matérias favoráveis a São José –que tentava a reeleição– em um site de notícias do município, em detrimento dos adversários.

“As condutas objeto da presente ação extrapolaram o direito constitucional à liberdade de manifestação do pensamento, pois, sopesados o período de campanha eleitoral e da proximidade das eleições, o âmbito e alcance de sua propalação e o tratamento diferenciado e privilegiado a candidato em nítido detrimento de seu oponente, revelaram a gravidade das circunstâncias, suficiente a vulnerar a lisura e afetar a igualdade de condições de disputa no pleito majoritário de 2016 no município de Coxim”, pontuou a juíza, alinhando-se à avaliação do Ministério Público Eleitoral, segundo quem os demais candidatos não tiveram o mesmo tratamento no endereço eletrônico.

A juíza também descartou que os réus desconhecessem ou não tinham influência na divulgação, decretando a cassação dos diplomas e dos mandatos e decretando a inelegibilidade de São José e Bezerra por oito anos a contar de 2 de outubro de 2016.

Além disso, decidiu-se pelo imediato afastamento dos cargos após a publicação da decisão de segunda instância que confirme a cassação, com a posse do presidente da Câmara Municipal no cargo. A sentença da juíza é de 12 de junho e consta da edição desta terça-feira (18) do Diário da Justiça Eleitoral, já disponível na internet. A magistrada ainda determinou a realização de novas eleições, também a partir da manutenção da cassação pelo TRE (Tribunal Regional Eleitoral). Cabe recurso.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 18 de Julho de 2019
10:00
Receita do Dia
09:00
Santo do Dia
Quarta, 17 de Julho de 2019
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)