Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

28/05/2007 18:50

Juíza cassa mandato de vereador em Nova Andradina

Humberto Marques/Campo Grande News

A juíza eleitoral da 5ª Zona Eleitoral, em Nova Andradina, Jacqueline Machado, cancelou na manhã desta segunda-feira (28 de maio) a diplomação do vereador Antônio Francisco Ortega Batel (PR), acusado de captação irregular de votos no município. Conforme informações da Rádio Cacique, Batel é acusado de “abuso de poder econômico e político”, pelo pagamento de R$ 20 a um eleitor e de pagar pela certidão de nascimento a uma família da cidade. O pedido já foi acatado pelo presidente da Câmara de Nova Andradina, Glauco José Lourenço (PR),

Ortega Batel ocupava a primeira secretaria da Casa de Leis, e, além de perder o mandato, foi condenado a pagar multa de 30 mil Ufirs. A ação pede, ainda, a sua inelegibilidade pelo prazo de três anos. A assessoria jurídica da Câmara deverá impetrar em Campo Grande um mandado de segurança para impedir que Batel perca o mandato.

O parlamentar é acusado de pagar R$ 56 por uma certidão de nascimento, que, segundo ele, foi cedida a uma família carente do município, que procurou sua ajuda e já o ressarciu. Quanto à compra de voto, Batel afirma que se trata de “armação”. “Na política, estamos sujeitos a tudo”, afirmou, relatando que aguarda a concessão de liminar para que possa retomar o mandato.

Com a saída do vereador, o atual segundo secretário da Câmara, Adriano Palopoli (PR) assumirá a primeira secretaria. O presidente da Casa recebeu prazo de 15 dias para convocar o suplente de Batel, Randolfo Jareta.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)