Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

28/06/2007 09:03

Juiz manda Google tirar comunidades do Orkut

Tribunal de Justiça do Estado de Goiás

O juiz Hamilton Gomes Carneiro, do Juizado Especial Cível e Criminal de Cristalina/GO, concedeu medida requerida pelo Ministério Público (MP) e determinou ao Google a retirada de duas comunidades do site de relacionamento Orkut e estipulou multa diária de R$ 20 mil por dia de atraso, em caso de descumprimento da ordem judicial. São elas: "Boatos & Fofocas de Cristalina" e "Fofocas Cristalina Sem Censura". Além disso, mandou que a empresa forneça a identificação eletrônica do computador de onde foram criadas as comunidades e, ainda, dos cadastrados que hipoteticamente ofenderam a honra de pessoas por meio delas.

O magistrado requisitou a abertura de inquérito policial para descobrir e responsabilizar as pessoas que possam ter cometido crime de injúria e difamação, por meio da identificação eletrônica de seus computadores e dos números de telefone.

De acordo com o MP, várias pessoas da cidade vinham se queixando de sofrer difamações e injúrias por meio das comunidades. Sustentando que elas haviam sido criadas com o único objetivo de denegrir a imagem de pessoas da sociedade local, "criando temas que dizem respeito à imagem das vítimas, sem qualquer fundamento ou prova de veracidade dos fatos", a promotoria salientou que os assuntos atacavam, sobretudo, a reputação da vítimas, vez que eram referentes a fidelidade, casamento, namoro e sexo, entre outros.

Ao conceder a medida, o juiz observou que, de fato, as comunidades traziam transtornos às vítimas, criando um ambiente de insegurança, constrangimento e aborrecimento para elas, tendo muitas sido expostas ao ridículo. Hamilton Carneiro asseverou que os usuários das comunidades atuavam de forma irresponsável e egoísta, tentando expor a vida de outras pessoas de forma "baixa e torpe", ao invés de procurar um trabalho digno e honesto.

"Estas atitudes chegaram a um ponto que não pode mais prosperar, pois a vida íntima das vítimas está sendo seriamente prejudicada por atitudes destas pessoas irresponsáveis e sem caráter, que não têm coragem de colocar os seus nomes na comunidade. São pessoas covardes e sem integridade moral", bradou. (Patrícia Papini)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)