Cassilândia, Segunda-feira, 20 de Maio de 2019

Últimas Notícias

07/05/2019 09:20

Juiz barra contrato de R$ 849 mil de prefeitura para aluguel de maquinário

Campo Grande News

O juiz Eduardo Lacerda Trevisan, da Comarca de Naviraí –a 366 km de Campo Grande– atendeu a pedido do MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) e suspendeu a concretização de uma licitação que previa a contratação de empresa para locação de caminhões e máquinas ao custo de quase R$ 850 mil. A decisão foi tomada diante de falta de justificativa para fixação da idade máxima dos veículos, de sete anos.

A denúncia partiu do promotor de Justiça Daniel Pivaro Stadniky, que apresentou a ação civil pública com pedido de liminar para anulação da licitação e do pregão da Gerência de Obras e Serviços Públicos de Naviraí. A empresa vencedora apresentou proposta de exatos R$ 849.996, porém, em análise dos termos de referência do edital, apontou-se exigência em todos os itens de que os veículos alugados tivessem no máximo sete anos de uso.

O promotor considerou que não havia justificativa técnica razoável para a limitação –sendo considerada desnecessária uma vez que, entre as obrigações da empresa contratada, estava substituição do maquinário em prazo de 12 a 48 horas. Na ação, apontou-se descumprimento à Lei de Licitações, que veda aos agentes públicos “admitir, prever, incluir ou tolerar, nos atos de convocação, cláusulas ou condições que comprometam, restrinjam ou frustrem o seu caráter competitivo”, destacou o MPMS, em nota.

O apontamento levou à expedição de recomendação à prefeitura para que anulasse a licitação, o que não foi acatada e resultou na proposição da ação.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 20 de Maio de 2019
10:00
Receita do Dia
08:46
Cassilândia
Domingo, 19 de Maio de 2019
13:49
Costa Rica
10:00
Receita do Dia
09:00
Santo do Dia
05:03
Campeonato Brasileiro de Futebol
Sábado, 18 de Maio de 2019
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)