Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

29/05/2007 19:33

Juiz afasta por 30 dias vereador de São Gabriel do Oeste

Humberto Marques/Campo Grande News

O juiz Atílio César de Oliveira Junior, da Comarca de São Gabriel do Oeste, acatou pedido do Ministério Público Estadual e afastou por 30 dias o vereador Genildo Mendes (PT), flagrado durante tentativa de extorquir R$ 20 mil da presidente da Câmara dos Vereadores do município, Maria Zatti (PMDB). O pedido de afastamento foi encaminhado pelo promotor Alexandre Magno Benites Lacerda, não prevendo prejuízo dos vencimentos do parlamentar.

O MPE alegou que Mendes poderia utilizar o cargo de vereador para frustrar “o andamento das investigações”, que, em caso de condenação, poderão desencadear uma ação de improbidade administrativa e a perda de seu mandato. Em sua decisão, o juiz Oliveira Junior aponta que “existe pelo menos indícios de que o vereador Genildo Mendes não agiu com a probidade exigida para o cargo que ocupa”, ressaltando ainda comungar da opinião de que “o requerido, se mantido no cargo, poderá no uso de suas prerrogativas como vereador, e com o acesso que possui a documentos da Câmara Municipal, como ente dela integrante, dificultar, ou, talvez, atrapalhar o fiel desenvolvimento das investigações que poderão correr naquela Casa de Leis”.

O afastamento, para o magistrado, “não se baseia em mera ilação ou excesso de zelo, pelo contrário, visa assegurar o parcial curso de todo o processo que apura as irregularidades cometidas, em tese, pelo requerido”. A medida foi encaminhada ao MPE e à Câmara dos Vereadores, que deverá providenciar a convocação do suplente de Mendes.

O vereador foi preso no dia 11 de maio, durante ação do Unicoc, quando exigia da presidente da Casa de Leis dinheiro para encerrar denúncias contra a parlamentar. Genildo Mendes acusava Maria Zatti, que é professora da rede municipal, de ser cedida irregularmente para o Conselho Regional de Desenvolvimento da Região Norte. No dia 23 de maio, o juiz Atílio de Oliveira Junior concedeu a liberdade para o vereador.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)