Cassilândia, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

26/12/2015 15:45

Jovem de MS perde 20 kg, vira capa de revistas e atrai 96 mil fãs em blog

G1MS

O cenário florido, na avenida Fernando Côrrea da Costa, em Campo Grande, era palco para a foto anual da funcionária pública Juliana Crisóstomo de Arruda Rodrigues, atualmente com 30 anos. Foi assim em 2011, 2012 e 2013. Porém, da última vez, o retrato também trouxe uma triste constatação: a jovem estava cada dia mais gorda, beirando a obesidade. Desde então, ela renovou o cardápio e comemorou a perda de 20 quilos, além de ser capa de duas revistas em 2015 e incentivar milhares de seguidoras em todo o país.

"Eu percebi que estava muito mais gorda na última foto e resolvi me pesar, constatando a obesidade. No outro dia, voltei para a academia. Também fui a uma consulta com um endocrinologista, para ver se tinha algum problema hormonal, mas estava tudo certo. Tive então que controlar a minha compulsão com a comida, pois sempre ia além da conta e só ficava satisfeita com a barriga cheia", afirmou ao G1 a funcionária pública.

Nós últimos dois anos, Juliana disse que passou a enxergar o alimento como algo nutritivo. "Antes a comida era uma forma de comemoração, de nutrir a minha tristeza ou até mesmo a primeira coisa que pensava ao encontrar amigos. Mas, desde que mudei a minha forma de enxergar o alimento, as coisas melhoraram. Ainda retomei a academia por prazer, de segunda a sábado. Também fiz pequenas mudanças e tudo isso contribuiu muito", explicou a jovem.

Ao relembrar o passado, Rodrigues diz que travou uma luta com a balança. "Sempre fui gordinha. Em 2007, entrei para a academia com 63 kg e comecei a fazer dieta por conta própria, chegando a ter o corpo dos sonhos, 56 kg em 1,57 metros de altura. Só que não amadureci o psicológico e achei que uma vez magra, seria magra para sempre", ressaltou a jovem.

Recaídas
Desanimada, ela passou a ingerir refrigentes e cometer excessos. "Parei totalmente com exercícios e voltei a comer tudo o que comia antes. Estava engordando novamente, mas evitava me pesar e ficava cada dia mais frustrada quando as roupas iam deixando de servir, porém não fiz nada a respeito. O meu namorado na época também me deixava muito pra baixo, nunca reconheceu e valorizou a minha transformação, o que me fez jogar tudo para o ar", comentou.

Com tantos excessos, ela comentou que ganhou mais 10 kg. "Terminei o namoro e resolvi cuidar de mim. Pouco tempo depois conheci o meu atual esposo e a felicidade tomou conta de mim. Só que não estava fazendo nenhum esforço para ser saudável e, as vezes, saíamos para comer fast food umas quatro vezes por semana. Estava feliz e era isso que me importava", lamentou.

Choque de realidade
No entanto, o peso começou a ser um incômodo muito grande, conforme Juliana. "Não queria mais me olhar no espelho e evitava sair em fotos. Quando alguém me marcava em foto eu apagava e com o passar dos dias comprei uma balança. Saía da academia e me pesava em casa. No primeiro dia chorei, porque o marcador apontou 83 kg e este era o mesmo peso do meu pai, que sempre foi gordinho. Aquilo foi um choque de realidade", disse.

Ao iniciar pesquisas sobre o assunto, a funcionária pública criou o blog Só magra não: sarada. "A página me ajudava muito e aos poucos ela foi crescendo, a responsabilidade aumentou. Eu queria mostrar cada vez mais resultados para as meninas que me acompanhavam e assim motivá-las também. E assim vem sendo meu projeto, no qual tenho todo o apoio do meu marido. Ele treina comigo e pega no meu pé quando quero desanimar", comentou.

Ao todo, a jovem perdeu mais de 20 kg de gordura e ganhou cino qulilos de massa magra. "Fui torneando as coxas, afinando os braços, secando a barriga e empinando o bumbum. Saí do manequim 46 para o 40. Hoje comprar roupas e ter auto estima ficou muito mais fácil. Porém eu luto pelo meu objetivo todos os dias e o principal deles é motivar minhas seguidoras, que já passam de 96 mil. Hoje peso 65 kg e ainda faltam cinco para atingir meu objetivo", falou.

Conquistas
Sobre as seguidoras, Juliana comenta que este é o seu "maior orgulho". "Tenho álbum de leitoras minhas, no qual elas mostram o antes e o depois. São cerca de 200 imagens de pessoas que se basearam na minha história e somando tudo é quase uma tonelada a menos de peso nas minhas seguidoras. Por conta disso, fui convidada para estampar duas revistas nacionais, sendo uma impressa e outra on-line, além de aparecer no site do programa Bem-Estar. Agora o meu projeto para o próximo ano é ter a minha marca em roupas fitness", finalizou a jovem.

Jovem mostra mudanças do corpo em seu blog (Foto: Arquivo Pessoal)Jovem mostra mudanças do corpo em seu blog (Foto: Arquivo Pessoal)
Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 11 de Dezembro de 2016
06:04
Fotogaleria
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)