Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

08/03/2004 16:19

Jovem ainda tem preconceito contra mãe solteira

Cecília Jorge/ABr

A gravidez em adolescentes e, principalmente, o fato de elas assumirem sozinha um filho ainda é tabu no país. É o que revela o livro “Juventude e Sexualidade”, lançado nesta segunda-feira pela Unesco (Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura).

Dos estudantes de 10 a 24 anos ouvidos para a elaboração do livro, entre 2,2% e 4,7% afirmaram que não gostariam de ter como colegas de classe mães solteiras. “Aparentemente, tais proporções parecem baixas, contudo são preocupantes, tratando-se de preconceitos”, afirmam as coordenadoras da pesquisa. Entre os pais, o preconceito é maior, sendo que 7,5% declararam ser contrários à idéia de que seus filhos estudem junto com mães solteiras.

A pesquisa foi realizada em 14 cidades brasileiras com 16.532 estudantes de 10 a 24 anos. O estudo foi feito em Belém, Cuiabá, Florianópolis, Fortaleza, Goiânia, Maceió, Manaus, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo, Vitória e Distrito Federal.

A taxa de abandono dos estudos por causa da gravidez é maior em Belém (6%) e Macapá (6,1%). Nas outras capitais, o índice varia de 3,5% a 0,2%. “Uma das questões que está colocada no pacto pela redução da mortalidade materna é justamente a necessidade de trabalhar desde a juventude uma concepção de saúde integral da mulher para que possamos reduzir as taxas que temos hoje”, comentou a secretária especial de Políticas para as Mulheres, Nilcéia Freire.

A pesquisa indica que a idade média da primeira relação sexual é mais baixa entre os alunos do sexo masculino, variando de 13,9 a 14,5 anos. Entre as jovens, a iniciação sexual ocorre, em média, entre 15,2 e 16 anos. Mais de 10% das crianças e adolescentes entre 10 e 14 anos já fizeram sexo.

O estudo também mostra mudanças de comportamento quanto à importância da virgindade. Os homens tendem a dar menos importância à virgindade que as mulheres. Em média, 68% afirmam não dar importância a essa questão. Quando o assunto é a virgindade masculina, o resultado é inverso: mais homens se mostraram favoráveis à virgindade até o casamento do que as mulheres.

A pesquisadora Mary Castro ressalta que, apesar da imagem de promiscuidade que os adultos costumam fazer dos jovens, a pesquisa mostra que eles preferem ter apenas um parceiro. Em média, 70% dos adolescentes afirmam que tiveram relação sexual com apenas um parceiro. Na maioria das capitais pesquisadas, 80% recusam a perspectiva da existência do amor sem fidelidade. E mais de um terço acredita que seus parceiros fazem sexo apenas com eles.

O método contraceptivo mais usado é a camisinha, seguido pela pílula anticoncepcional e a tabelinha. Em média, mais da metade dos entrevistados, em todas as cidades pesquisadas, disseram que usam preservativo em todas as relações sexuais. Apenas em Fortaleza e Salvador, os resultados revelaram menor preocupação dos jovens em se prevenir contra a gravidez e as doenças sexualmente transmissíveis, como a Aids – 36% e 39,2%, respectivamente, disseram que sempre usam camisinha.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)