Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

20/11/2011 13:36

Jornal americano destaca ataque contra índios em MS

Campo Grande News/ Ana Paula Carvalho

Até o Jornal norte-americano The New York Times destacou o ataque contra os índios guarani-kaiowas que estão acampados na região das fazendas Nova Querência e Ouro Verde, na divisa dos Municípios de Aral Moreira e Amambai, região sul do Estado.

A publicação menciona a disputa entre terras e a possível execução do líder espiritual do grupo, Nísio Gomes.

O assunto também foi destaque no Jornal Aljazeera de hoje. Eles divulgaram que o acampamento foi alvo de tiros disparados por homens encapuzados. E que a Polícia suspeita que os pecuaristas “ricos” da região tenham encomendado o crime.

O caso - Conforme apurado pelo CIMI (Conselho Indigenista Missionário), durante a correria de tiros, três jovens um de 14 anos, outro de 15 e um de 16 anos teriam sido baleados.

De acordo com lideranças indígenas de aldeias vizinhas, o garoto de 14 anos seria neto de Nisio Gomes. Ele chegou a ser socorrido, medicado e já teria retornado ao acampamento. Os outros dois estavam desaparecidos.

O MPF (Ministério Público Federal) abriu investigação e a perícia da Polícia Civil constatou marcas de sangue em meio à folhas, que remontam a cena de um corpo sendo arrastado, possivelmente de Nisio.

Segundo relatos dos indígenas ao CIMI, Nisio teria sido executado com tiros na cabeça, peito, braços e pernas. O filho ainda tentou impedir a execução, se atirando sobre um dos pistoleiros.

A ação dos pistoleiros foi por volta das 6h30 da manhã de sexta-feira. Eles estavam respaldados por cerca de uma dezena de caminhonetes Hilux e S-10. Na caçamba de uma delas o corpo de Nisio foi transportado.

Os guarani-kaiowá estavam acampados a região desde o dia primeiro deste mês. Nisio teria sofrido ameaças de morte dois dias antes do atentado.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)