Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/04/2004 20:27

Japão estuda aumentar importações de carnes brasileiras

Kelly Oliveira / ABr

Uma missão veterinária do Ministério da Agricultura, Florestas e Pesca do Japão começou hoje a avaliar o sistema de defesa agropecuária e as condições de sanidade do rebanho nacional, na sede da Delegacia Federal do Ministério da Agricultura em São Paulo (SP). O objetivo é ampliar as negociações para a compra de carnes cozidas e congeladas do Brasil.

Em 2003, o país asiático importou 188 mil toneladas de carne de frango in natura e industrializada, carnes bovina e suína, perus e outras variedades de carnes brasileiras. As exportações desses produtos para o Japão superaram em 13% o resultado de 2002 e renderam US$ 242,5 milhões em divisas para o Brasil.

A partir de quarta-feira, a missão japonesa visitará indústrias frigoríficas das regiões Sul e Centro-Oeste. Em Mato Grosso, os técnicos estarão em Várzea Grande, Araputanga e São José dos Quatro Marcos. Em Santa Catarina, os japoneses visitarão a cidade de Seara.

Na próxima segunda-feira, a missão veterinária do Japão voltará a se reunir com especialistas do Ministério da Agricultura para discutir o sistema brasileiro de sanidade animal e de inspeção. Uma nova missão técnica japonesa deverá voltar ao país ainda no primeiro semestre deste ano.

Com informações do Ministério da Agricultura.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)