Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

14/11/2007 07:22

Intimação errada leva STF a anular processo da apelação

STF

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) arquivou (não conheceu), nesta terça-feira (14), Agravo de Instrumento (AI 525749) interposto por A.C.A. contra decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que inadmitiu a subida de Recurso Extraordinário (RE) para o STF, numa ação penal que lhe é movida pelo Ministério Público de Goiás. No entanto, a Turma determinou, de ofício, a anulação do processo n. 200300491993 – apelação criminal, na Justiça goiana, desde a intimação da defesa para apresentar razões da apelação.

A defesa alegou violação dos princípios do contraditório e da ampla defesa, assegurados no artigo 5º da Constituição Federal. Segundo ela, o RE foi inadmitido pelo STJ sob alegação de não terem sido citados os dispositivos constitucionais que teriam sido violados no processo de origem. Sob o mesmo argumento – falta de peças obrigatórias –, o STJ negou, também, agravo de instrumento lá interposto que objetivava a subida do recurso especial.

O relator do agravo no STF, ministro Joaquim Barbosa, aceitou alegação apresentada no RE pela defesa do agravante, segundo a qual a intimação oficial para apresentar as razões da apelação foi publicada em nome de advogada completamente estranha aos autos, impedindo o amplo exercício do direito de defesa. Foi esta a razão que o levou a votar pela anulação do processo a partir da apelação, concedendo habeas corpus de ofício, para possibilitar o oferecimento das razões ao recurso de apelação. O entendimento do ministro foi acompanhado pelos demais integrantes da Turma.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)