Cassilândia, Terça-feira, 30 de Maio de 2017

Últimas Notícias

05/03/2009 15:21

Intervenção federal para o problema dos frigoríficos

24horasnews

Diante do caos provocado pelas demissões e fechamento de plantas frigoríficas em Mato Grosso, o deputado federal, Homero Pereira (PR-MT), levou o problema para ao Congresso Nacional e pediu intervenção do governo federal na tentativa de evitar um agravamento da crise no Estado.

Em pronunciamento, Homero afirmou que as 12 unidades desativadas comprometem a livre concorrência no setor, situação danosa aos pecuaristas do Estado. “Sem concorrência, o mercado se fecha e apenas um grupo dita normas e preços, o que já está provocando sérios prejuízos econômicos aos produtores. Não apenas isso, e não tem capacidade instalada para atender a demanda”, denunciou o parlamentar na tribuna da Câmara.

Nesta quinta-feira (05.03), o deputado se reuniu como ministro da Agricultura, Reinhold Stephanes, junto com o presidente Federação da Agricultura de Mato Grosso (Famato), Rui Prado, do qual cobrou uma posição ao problema.

Homero solicitou que o governo conceda aos frigoríficos tratamento parecido ao das empresas automobilísticas, para as quais reduziu impostos por um tempo determinado.

Outra solução, conforme o parlamentar, pode aplacar os problemas financeiras das indústrias da carne, é o governo efetuar o pagamento dos créditos tributários que as empresas tem a receber.

O deputado adverte ainda que Mato Grosso tem o maior rebanho bovino do país, sem as unidades , haverá um colapso em toda a cadeia produtiva da carne.

Stephanes informou estar acompanhando a situação, já se reuniu com empresários do ramo e eles prometeram entregar um panorama do problema em 30 dias.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 29 de Maio de 2017
10:00
Receita do Dia
Domingo, 28 de Maio de 2017
Sábado, 27 de Maio de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)