Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

25/05/2004 14:28

Internet : Fiscalização de serviços de saúde

Agência Brasil

Um portal para que o cidadão fiscalize a qualidade dos serviços de saúde brasileiros foi lançado hoje, em Brasília, pela Organização Nacional de Acreditação (ONA), entidade não-governamental que tem como parceira a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). No site www.ona.org.br, os brasileiros poderão relatar casos de mau atendimento médico, hospitalar e ambulatorial, que serão encaminhados à Anvisa para que sejam tomadas providências.

O termo acreditar significa dar crédito, crer, ter como verdadeiro. Há cinco anos, a ONA se uniu a parceiros de diversos setores de saúde e estabeleceu um conjunto de padrões que medem a qualidade dos serviços de saúde e certificam essas instituições.

No site constam informações sobre o processo de certificação, notícias sobre o setor de saúde, informações sobre eventos e cursos de educação à distância. Segundo a ONA, mais de nove mil profissionais de saúde já fizeram cursos disponibilizados no site.

Para o superintendente da ONA Fábio Gastal, o portal servirá como “um canal de comunicação com o cidadão, com os profissionais e as entidades no sentido de verificar se existe alguma dificuldade no sistema, algum problema nos hospitais e serviços de saúde acreditados”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)