Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

19/05/2015 13:52

Intenção de Consumo das Famílias acumula queda de 21,2% em um ano

Agência Brasil

A Intenção de Consumo das Famílias (ICF) caiu 6,3% de março para maio deste ano, alcançando 96,4 pontos e registrando o quarto mínimo histórico consecutivo. Quando comparado a maio do ano passado, o ICF acumula queda de 21,2%, com todos os quesitos se mantendo nos menores valores de suas séries históricas.

Os dados foram divulgados hoje (19) pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). De acordo com a CNC, o índice atingiu, pela primeira vez, um nível menor do que 100 pontos, significando que ficou abaixo da zona de indiferença e indicando "uma percepção de insatisfação com a situação atual”.

A retração foi maior entre as famílias com renda abaixo de dez salários mínimos, com redução de 6,4% na comparação mensal. Entre as famílias com renda acima de dez salários mínimos, a queda da intenção de consumo caiu 6,1% de abril para maio. Segundo a CNC, o índice das famílias mais ricas chegou a 94,5 pontos e o das demais a 97 pontos.

Na mesma base comparativa, os dados regionais revelaram que a maior retração ocorreu na Região Sudeste, com queda de 9,2%. A avaliação mais positiva foi registrada na Região Centro-Oeste, com redução de apenas 0,3%.

Para a CNC, os números refletem “o elevado custo do crédito e o alto nível de endividamento das famílias, que permanecem como os principais motivadores do enfraquecimento na intenção de compras a prazo”. O componente Acesso ao Crédito novamente registrou quedas mensais e anuais de 7,7% e 22,1%, respectivamente, atingindo o menor nível da série, com 99,3 pontos e abaixo do nível de indiferença.

O componente Emprego Atual registrou quedas de 3,4% em relação ao mês anterior e de 10,8% na comparação com o mesmo período do ano passado. “O percentual de famílias mais seguras em relação ao Emprego Atual – quesito que vem diminuindo a cada mês e que no mês anterior estava em 40% é hoje de 37,2%”, destacou a CNC.

Em relação às regiões pesquisadas, Centro-Oeste, Sul e Nordeste têm as famílias mais confiantes em relação ao Emprego Atual. As regiões Norte e Sudeste registraram menor nível de confiança.

O componente Nível de Consumo Atual apresentou quedas de 7,4% em relação ao mês anterior e de 24,8% sobre o mesmo período do ano passado. A maior parte das famílias declarou estar com o nível de consumo menor que o do ano passado (46,8% ante 43,3% em abril).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)