Cassilândia, Quinta-feira, 30 de Março de 2017

Últimas Notícias

14/02/2004 12:55

Inquérito do caso Diniz já tem os condutores nomeados

Luciana Vasconcelos/ABr

A procuradora da República no Estado do Rio de Janeiro, Andrea Silva Araújo, será a responsável pelas investigações das denúncias contra o ex-assessor do Palácio do Planalto, Wladomiro Diniz, publicadas na revista Época desta semana. Ela foi designada pelo procurador-geral da República, Cláudio Fonteles, porque já vinha atuando no caso.

Waldomiro ocupava ultimamente a subchefia parlamentar do Ministério da Articulação Política e foi exonerado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva após a revelação das acusações. A revista traz a transcrição de um vídeo no qual o ex-assessor aparece pedindo dinheiro ao bicheiro Carlos Augusto Ramos para campanhas eleitorais, além de propina para ele mesmo.

O vídeo foi gravado em 2002, período em que Waldomiro presidia a Loteria do Estado do Rio, a Loterj. A fita foi repassada ao Ministério Público pelo senador Antero Paes de Barros (PSBD –MT) antes da publicação da reportagem.

Por determinação do ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, a Polícia Federal abriu inquérito, que correrá no Rio. As investigações serão comandadas pelo delegado Antônio César Fernandes Nunes, que atua na Superintendência da PF naquele Estado.

O delegado Antônio César está na PF desde 1978 e tem larga experiência em apuração de crimes financeiros, lavagem de dinheiro e tráfico. Já passou pela Delegacia de Combate a Entorpecentes e pela Polícia Judiciária. Foi também adido da embaixada do Brasil na Colômbia.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 30 de Março de 2017
Quarta, 29 de Março de 2017
20:34
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)