Cassilândia, Domingo, 11 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/02/2004 12:55

Inquérito do caso Diniz já tem os condutores nomeados

Luciana Vasconcelos/ABr

A procuradora da República no Estado do Rio de Janeiro, Andrea Silva Araújo, será a responsável pelas investigações das denúncias contra o ex-assessor do Palácio do Planalto, Wladomiro Diniz, publicadas na revista Época desta semana. Ela foi designada pelo procurador-geral da República, Cláudio Fonteles, porque já vinha atuando no caso.

Waldomiro ocupava ultimamente a subchefia parlamentar do Ministério da Articulação Política e foi exonerado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva após a revelação das acusações. A revista traz a transcrição de um vídeo no qual o ex-assessor aparece pedindo dinheiro ao bicheiro Carlos Augusto Ramos para campanhas eleitorais, além de propina para ele mesmo.

O vídeo foi gravado em 2002, período em que Waldomiro presidia a Loteria do Estado do Rio, a Loterj. A fita foi repassada ao Ministério Público pelo senador Antero Paes de Barros (PSBD –MT) antes da publicação da reportagem.

Por determinação do ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, a Polícia Federal abriu inquérito, que correrá no Rio. As investigações serão comandadas pelo delegado Antônio César Fernandes Nunes, que atua na Superintendência da PF naquele Estado.

O delegado Antônio César está na PF desde 1978 e tem larga experiência em apuração de crimes financeiros, lavagem de dinheiro e tráfico. Já passou pela Delegacia de Combate a Entorpecentes e pela Polícia Judiciária. Foi também adido da embaixada do Brasil na Colômbia.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 11 de Dezembro de 2016
06:04
Fotogaleria
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)