Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

26/03/2006 08:23

Inmetro abre consulta sobre a comercialização de pão

Norma Nery/ABr

O brasileiro pode decidir se o pão francês será vendido por unidade ou por quilo em todo o país. A escolha está sendo oferecida pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Certificação da Qualidade (Inmetro), que abriu consulta pública sobre a questão, com base em solicitação encaminhada por representações empresariais do setor de panificação.

A consulta vai durar 60 dias. Quem quiser participar poderá mandar um email para ouvidoria@inmetro.gov ou carta endereçada à unidade do Inmetro que fica na Avenida Nossa Senhora das Graças, número 50, Xerém, Duque de Caxias, Rio de Janeiro, Cep 25250-020.

O presidente do Inmetro, João Jornada, disse que a abertura da consulta retoma um trabalho iniciado pelo órgão em 2001, quando uma pesquisa de opinião sobre o assunto foi realizada. A constatação foi que 57% dos entrevistados eram a favor da venda por peso, mas a portaria em vigor não foi revogada devido a problemas burocráticos.

Agora, o resultado da consulta vai regulamentar um único sistema de vendagem do pão em nível nacional. Atualmente, a portaria 003/97 prevê a opção de comercialização por peso ou por unidade. Por unidade, o produto pode pesar 50g, 100g ou 200g. Para ser vendido por quilo, o pãozinho dever ter menos de 30 g.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)