Cassilândia, Quarta-feira, 23 de Maio de 2018

Últimas Notícias

26/03/2006 08:23

Inmetro abre consulta sobre a comercialização de pão

Norma Nery/ABr

O brasileiro pode decidir se o pão francês será vendido por unidade ou por quilo em todo o país. A escolha está sendo oferecida pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Certificação da Qualidade (Inmetro), que abriu consulta pública sobre a questão, com base em solicitação encaminhada por representações empresariais do setor de panificação.

A consulta vai durar 60 dias. Quem quiser participar poderá mandar um email para ouvidoria@inmetro.gov ou carta endereçada à unidade do Inmetro que fica na Avenida Nossa Senhora das Graças, número 50, Xerém, Duque de Caxias, Rio de Janeiro, Cep 25250-020.

O presidente do Inmetro, João Jornada, disse que a abertura da consulta retoma um trabalho iniciado pelo órgão em 2001, quando uma pesquisa de opinião sobre o assunto foi realizada. A constatação foi que 57% dos entrevistados eram a favor da venda por peso, mas a portaria em vigor não foi revogada devido a problemas burocráticos.

Agora, o resultado da consulta vai regulamentar um único sistema de vendagem do pão em nível nacional. Atualmente, a portaria 003/97 prevê a opção de comercialização por peso ou por unidade. Por unidade, o produto pode pesar 50g, 100g ou 200g. Para ser vendido por quilo, o pãozinho dever ter menos de 30 g.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 23 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Terça, 22 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Segunda, 21 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)