Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/02/2009 06:27

Indústria do setor calçadista concede férias coletivas

Jorge Wamburg, ABr

Brasília - Um total de 2.300 trabalhadores, dos 18 mil de duas fábricas da maior empresa calçadista do país, a Vulcabras/Azaléia, vão entrar em férias coletivas este mês como parte da estratégia da empresa para evitar demissões, devido à crise financeira mundial. A decisão foi anunciada hoje (13) à noite pela diretoria e atinge as unidades da Bahia e Rio grande do Sul.

Segundo um comunicado divulgado pela empresa, que tem 35 mil funcionários e cinco fábricas (quatro no Brasil e uma na Argentina) na área industrial de Itapetinga (BA) as férias coletivas serão de 19 de fevereiro a 8 de março e em Parobé (RS), de 20 de fevereiro a 11 de março e seguem-se às férias coletivas já concedidas a todos os empregados em dezembro de 2008 e janeiro deste ano.

Os acúmulos de importações ao longo de 2008 e no início de 2009 e dos níveis de estoques influenciaram na decisão, informa o comunicado. O presidente da empresa, Milton Cardoso, explicou que os ajustes são necessários, mas poderiam ter sido evitados, pois o consumidor brasileiro não reduziu drasticamente as suas compras. Entretanto – acrescentou – as importações estão tomando conta do mercado a uma velocidade que não se imaginava.

A empresa citou números dicvulgados pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex) para demonstrar a situação de crise do setor calçadista: As importações de calçados e suas partes tiveram um aumento de 35% em janeiro de 2009, em relação ao mesmo mês do ano passado, e de 214% sobre janeiro de 2007.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)