Cassilândia, Sexta-feira, 25 de Setembro de 2020

Últimas Notícias

11/10/2003 07:41

Incra quer assentar mais 28 mil famílias neste ano

Corban Costa/ABr

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), assentou este ano 13.672 famílias em projetos de reforma agrária. A expectativa é de assentar até o final do ano mais 28 mil famílias. Mas de acordo com o presidente do Instituto, Rolf Rackbart, o objetivo é chegar ao maior número possível de famílias assentadas. A prioridade é de atender os estados onde existam conflitos por causa da terra, como Pará, Pernambuco, Sergipe, Alagoas, Minas Gerais, Paraná e Rio grande do Sul. Rolf Rackbart destacou que o governo está mudando o conceito de assentamento, registrando as famílias que realmente estão na terra. Anteriormente o conceito era o de famílias capacitadas para serem assentadas.

Na primeira entrevista concedida à imprensa desde sua posse, Rolf Rackbart disse que o governo procura melhorar a qualidade dos assentamentos. “Nos últimos 8 anos, 585 mil famílias foram assentadas, mas cerca de 400 mil não têm luz, estradas ou crédito”, observou. Rackbart informou que este ano serão aplicados R$ 20 milhões para a instalação de energia elétrica em diversos assentamentos do Incra.

Outro ponto destacado pelo presidente do Incra é a reestruturação do órgão, que necessita de pelo menos mais 2.500 funcionários para atender às necessidades da reforma agrária. Rolf Rackbart informou que em 18 anos o quadro de pessoal do Incra foi reduzido em 40%. Em 1985, o Incra tinha 8.989 funcionários, e este ano são apenas 5.521, sendo que 2.198 estão se aposentando nos próximos 2 anos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 25 de Setembro de 2020
Quinta, 24 de Setembro de 2020
14:18
Luto
Quarta, 23 de Setembro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)