Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

31/03/2005 09:12

Incidência de eclampsia no Brasil é sete vezes maior

Agência Notisa

Levantamento realizado por alunos da UFMS aponta um caso para cada 281 partos, contra um para cada 2.000 entre os europeus. Taxa brasileira é compatível com a dos demais países sub-desenvolvidos.

Grande número de gestantes tornam-se hipertensas a partir do 4º mês de gravidez. A doença hipertensiva específica da gestação (DHEG), como é chamado esse fenômeno, acomete em geral as futuras mães de primeira viagem e caracteriza-se não só pela elevação da pressão arterial (acima de 140/90mHg), como também pela presença de proteína na urina (proteinúria). Este quadro, apesar de ser controlável e relativamente freqüente, é chamado de pré-eclampsia, doença em que a grávida tem convulsões, coma ou mesmo ambas, e é uma das principais causas de morte materna no Brasil.

Preocupados com esse quadro,Guilherme Junqueira, Mauri Júnior e Victor de Oliveira, alunos da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul, analisaram os prontuários de todas as gestantes atendidas no Hospital Universitário, entre janeiro de 1998 e abril de 2004. Apesar da alta taxa de mortalidade da doença registrada em outros estudos, das 3.939 gestantes atendidas, foram registrados 145 (3,7%) casos de DEHG e nenhum óbito. Apenas 14 mulheres desenvolveram eclampsia. O resultado da pesquisa foi publicado no site Medstudents (www.medstudents.com.br) do portal Medcenter.

O levantamento aponta que 58% das mulheres que desenvolveram eclampsia (8) eram primigestas (primeira gravidez), 43% (6) tinham entre 30 e 39 anos, seguido de 36% na faixa dos 13 aos 19 anos. O objetivo do estudo era determinar o perfil das mulheres que desenvolveram a doença e a incidência mesma.

A incidência de eclampsia encontrada no levantamento foi de um caso para cada 281 partos, compatível com a média dos países em desenvolvimento. Entretanto, segundo o artigo, esse número está longe de ser o ideal: nos países desenvolvidos da Europa, por exemplo, a incidência é de um caso para cada duas mil gestações. A pesquisa, orientada pelos professores Guilherme Junqueira, Mauri Júnior e Victor de Oliveira, defende que essa diferença significativa pode ter relação com a qualidade de vida, nível de acesso ao pré-natal e a qualidade do manejo da paciente em cada país ou região do mundo.

Apesar dos resultados, os pesquisadores lembram que outros estudos encontraram uma taxa de mortalidade de aproximadamente 10% entre os casos de eclampsia e ressaltam a necessidade de se realizar mais pesquisas no hospital da Universidade com o objetivo de confirmar ou refutar os números encontrados. “A amostragem (da pesquisa) é pequena, necessitando de maiores estudos e maior período de tempo de análise para confirmar o baixo índice de mortalidade”, defendem.

Agência Notisa (jornalismo científico - science journalism)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)