Cassilândia, Terça-feira, 27 de Outubro de 2020

Últimas Notícias

13/09/2020 17:53

Incêndios levam governo a decretar estado de calamidade em MS

Fogo consome Pantanal e chegou até Parque Estadual das Nascentes do Taquari

Por Tainá Jara e Bruna Marques, Campo Grande News
Incêndio no Parque Estadual das Nascentes do Rio Taquari (Foto: Divulgação/Governo do Estado) Incêndio no Parque Estadual das Nascentes do Rio Taquari (Foto: Divulgação/Governo do Estado)

 

Na tentativa de viabilizar mais recursos para o combate aos incêndios no Pantanal e no cerrado, o governo do Estado vai decretar situação de calamidade pública em Mato Grosso do Sul. O anúncio foi feito na tarde deste domingo, no Parque dos Poderes, em Campo Grande com a presença do secretário Nacional de Defesa Civil, Alexandre Lucas Alves, o governo do Estado anunciou que irá decretar estado de calamidade pública em Mato Grosso do Sul, devido aos incêndios

No final de julho, situação de emergência foi decreta para atender os municípios de Ladário e Corumbá, onde se concentravam as áreas de incêndio no Pantanal. Recurso de R$ 500 mil foi destinado, desde o dia 2 de setembro, para as ações na região e são aplicados na compra de alimentos para as equipes que trabalham no combate às chamas e também na combustível para abastecer aeronaves e veículos.

Com o avanço do fogo para outros municípios, áreas como do Parque Nacional das Nascentes do Rio Taquari, nos municípios de Alcinópolis e Costa Rica, foram atingidas nesta semana. A unidade de conservação é a primeira do estado e guarda sítios arqueológicos de 11 mil anos.

Incêndio no Parque Estadual das Nascentes do Rio Taquari (Foto: Divulgação/Governo do Estado)
De acordo com o secretário de Defesa Civil, é necessário que o decreto seja feito o mais rápido possível, assim como a elaboração dos planos de trabalho para que mais recursos possam ser disponibilizados. “Se precisar alugar aeronaves vamos alugar. Ônibus, trazer gente de fora vamos fazer o impossível pra resolver esse problema”, afirmou.

O secretário estadual de Agricultura e Meio Ambiente, Jaime Verruck, lembrou que o Pantanal enfrenta a pior seca dos últimos 50 anos. “A situação, em termo de biomassa, do que temos para queimar no nosso estado, é extremamente crítica”, ressaltou.

De acordo com o Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), entre ontem e hoje, houve 4533 mil focos de incêndio em Mato Grosso do Sul. Mais de 30% deles se concentravam na cidade de Corumbá e 20% em Alcinópolis, onde está o Parque Estadual das Nascentes do Rio Taquari, primeira unidade de conservação criada no Estado. - 

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 27 de Outubro de 2020
Segunda, 26 de Outubro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)