Cassilândia, Sexta-feira, 24 de Janeiro de 2020

Últimas Notícias

08/12/2019 09:00

Imaculada Conceição de Nossa Senhora

Redação

Hoje a Igreja celebra a festa da Imaculada Conceição de Nossa Senhora. No Oriente essa festa começou a ser celebrada no século VII e no Ocidente, a partir do século IX. A crença de que Maria havia sido concebida sem pecado, já povoava a mente e o coração do povo, desde os primórdios do cristianismo. Essa crença foi aos poucos se espalhando, foi-se firmando na Igreja ocidental, na Igreja oriental, cismática, ortodoxa e católica. Era tão forte que até entre os hereges se encontravam vestígios dela. No século X, por exemplo, um escritor armênio se referiu a Maria como “a primeira filha sem culpa de uma mulher culpada”. No século XIII, um herege nestoriano, isto é, adepto da heresia que afirmava que em Jesus havia duas naturezas, a divina e a humana, mas que Maria era mãe somente da pessoa humana de Jesus, assim escreveu sobre ela: “Quem pode pensar sem entusiasmo naquela virgem pura, santificada no momento mesmo de sua conceição?” A crença da imaculada conceição de Maria estendeu-se de tal modo, tanto entre as pessoas simples, como entre os intelectuais, que no final do século XVI, seis mil escritores a ela se referiram. Aos poucos a Igreja foi compreendendo e assimilando essa verdade, incluindo-a em 1476 no calendário romano. Em 1708 o Papa Clemente XI decretou a festa obrigatória em todo o mundo cristão. Finalmente no dia oito de dezembro de 1854 o Papa Pio IX, proclamou como verdade de fé aquilo que o povo já afirmava e esperou séculos para ver definido: o dogma da Imaculada Conceição de Maria. Nossa Senhora da Conceição é a padroeira do Estado da Bahia.

O dogma da Imaculada Conceição de Maria é tão simples e ao mesmo tempo tão lógico para os que têm fé, que antes de ser dogma, foi verdade no meio do povo. É claro que Maria, sendo humana, também precisava ser redimida por Jesus Cristo. Só que, diferentemente do restante da humanidade, ela experimentou, por antecipação, o fruto da ação redentora do Filho de Deus que viria ao mundo para salvá-lo. Hoje agradecemos a Jesus que no-la deu por mãe, e a Maria pelo “sim” que, em seu nome e no nosso, ela deu a Deus, quando respondeu ao anjo: “Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim segundo sua Palavra”. Peçamos à Imaculada Conceição que, assim como ela deu a Jesus um coração de carne, capaz de amar e sofrer por nós, nos dê também um coração amável e sensível, capaz de se comover e de se solidarizar com a dor do irmão.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 24 de Janeiro de 2020
Quinta, 23 de Janeiro de 2020
09:00
Santo do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)