Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

26/10/2005 05:46

III Mostra do TCE ultrapassa limites dos museus

Luiz Junot

Ao abrir a III Mostra do Espaço Cultural do Tribunal de Contas do Estado, com o tema “Mato Grosso do Sul e seus Municípios”nessa segunda-feira (24.10), à noite o presidente do Tribunal de Contas do Estado, José Ancelmo dos Santos, disse que “quando inauguramos este espaço cultural, em cinco de maio deste ano, afirmamos que a arte havia ultrapassado os limites dos museus e estava ocupando os espaços disponíveis nas repartições públicas”.

De acordo com o presidente do TCE “hoje, apreciando as centenas de obras de artes reunidas nesta terceira mostra podemos afirmar, com certeza, que estamos cumprindo plenamente com nosso objetivo inicial, que era o de garantir visibilidade aos artistas sul-mato-grossenses, sejam eles veteranos ou iniciantes”. A abertura do evento foi precedida pela apresentação de músicas do repertório regional, pelo Coral do TCE, composto por 40 pessoas que tem como regente a maestrina Renny Graff Sudbrack.

Acompanhado pelos prefeitos de Alcinópolis, Ildomar Carneiro Fernandes; de Bonito, José Arthur Soares de Figueiredo; de Figueirão, Ildo Furtado; pelo secretário de Estado da Cultura, Silvio Di Nucci entre outras autoridades, o presidente do Tribunal destacou e agradeceu a presença do ex-governador Wilson Barbosa Martins, do ex-secretário da Casa Civil, Plínio Soares Rocha e do conselheiro aposentado Rubens Figueiró.

Na oportunidade José Ancelmo lembrou que, foi Wilson Martins o responsável pela sua indicação e nomeação como conselheiro do TCE, sendo agradecido a ele eternamente pela oportunidade dada. Para o ex-governador “o sucesso alcançado na administração José Ancelmo dos Santos, como presidente do Tribunal só veio comprovar que a indicação do seu nome e nomeação, foi mais do que acertada”, disse.

III Mostra – A III Mostra que permanece até 15 de dezembro, conta com a participação de 39 artistas plásticos de todo o Estado, visando retratar os pontos históricos e turísticos dos municípios do Estado e, ainda, com obras de artistas naif e esculturas produzidas por acadêmicos de Artes Visuais da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS).

Segundo o artista plástico e curador do Espaço Cultural, José Teffi, 90 por cento de um total de 100 obras em exposição estão disponíveis para comercialização. Ele lembrou ainda que a participação dos artistas no Espaço Cultural do TCE é gratuita, objetivando apenas a disponibilidade de um espaço para que possam expor suas obras à sociedade sul-mato-grossense.

Coletiva de Escultura “Cabeças” - Esta mostra traz uma parte da produção dos acadêmicos da disciplina Escultura do 2° ano do Curso de Artes Visuais – Bacharelado / 2005 da UFMS. Os trabalhos foram elaborados primeiramente em argila, servindo de matriz para a execução de moldes em gesso, que por sua vez, possibilitaram o resultado final em massa plástica.

Os expositores são os acadêmicos Adriana Sardim, Aline da Silva Ranelli, Alisquely G. de Barros, Henrique Coutinho Teixeira, Juliana Maria Silva Santos, Lívia Ferencz, Luiz Eduardo Capilé, Mayana Rodrigues, Milena de Souza Teixeira, Tereza Carolina Rocha de Souza, Themis Riyono Grosbelli Irie, Vanessa Cristina Atanásio, Verônica Aparecida Silva Acosta, Waldice de Oliveira Queiroz e Yanna Endo de Araújo.

A Arte Naïf - Essa mostra, organizada pelo Gurpo Naif “Cores da Terra” reúne obras de 10 artistas Naïf de nosso Estado. A Arte primitiva ou naïf é tipicamente brasileira e está fortemente vinculada à arte popular nacional, mas ainda não é devidamente valorizada internamente. Os Expositores naïf são: Da Silva, Mimi, Cecílio Vera, Ramão Lopes, Nofal, Roselin, Isac Saraiva, Titã, A. Ricci, Agnes Rodrigues.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)