Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

05/07/2008 16:37

Igreja colombiana entra na campanha pela libertação

Julio Cruz Neto/ABr

Bogotá (Colômbia) - A Igreja Católica colombiana entrou na campanha pela libertação dos reféns das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia. Em missa celebrada hoje em ação de graças pela libertação dos reféns na última quinta-feira (3), o cardeal Pero Rubiano pediu diálogo humanitário com a guerrilha.

Jornalistas colombianos presentes à catedral informaram que há muitos meses a Igreja não se manifestava a favor da comunicação com as Farc.

Rubiano também exigiu que os seqüestrados sejam libertados com vida. “Vivos os levaram, vivos têm que devolve-los”, afirmou o celebrante. A missa também foi em intenção dos que ainda permanecem presos.

O comandante do Exército, general Mario Montoya, subiu ao altar e agradeceu as orações e “tudo o que a Igreja faz pelas forças militares e pelo povo”. Segundo ele, o resgate só foi possível “graças ao Senhor”.

“Sem proteção divina, a operação não teria esse resultado”.

Ao final da missa, o general negou que o emblema que aparece no vídeo divulgado ontem (4) pelo governo boliviano seja da Cruz Vermelha. “É parecido”, disse ele.

Nos últimos dias, o governo tem negado a participação de outros países ou de organismos internacionais na operação, reiterando que a iniciativa foi totalmente colombiana.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)