Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

18/05/2004 15:26

Ibama estuda medidas para acelerar licenças ambientais

Assessoria CNI

O presidente do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Marcus Barros, disse hoje, na sede da Confederação Nacional da Indústria (CNI), que o órgão está empenhado em adotar medidas para acelerar os processos de licenciamento ambiental. Ele participou da reunião do Conselho Temático de Meio Ambiente (Coema) da CNI e ouviu dos representantes da indústria pleito sobre a necessidade de maior rapidez na concessão de licenças ambientais.

O presidente do Conselho da CNI, Robson Andrade, também presidente da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), elogiou a postura do presidente do Ibama. "O que vimos nessa reunião foi um Ibama voltado e preocupado com a questão da rapidez e da agilidade no licenciamento e dos mecanismos que possam tornar o Ibama um órgão mais próximo do empreendedor brasileiro", destacou.

Outro questão debatida durante a reunião foi a compensação ambiental. Por esse mecanismo, toda ação produzida pelo homem, gera um impacto ambiental. Quando essa ação é gerada por um empreendimento, principalmente os de grande porte, a lei determina que haja uma compensação que, atualmente, é medida tendo como base 0,5% do valor do empreendimento e um teto de 5%.

"O Ibama está discutindo com a indústria a diminuição desse teto para tornar os empreendimentos mais viáveis", disse Barros. A compensação ambiental está sendo analisada pelo Ibama e pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama). A idéia, segundo Barros, é encontrar um caminho pelo qual se cumpra a lei com uma compensação justa e proporcional aos empreendimentos.

O presidente do Ibama lembrou que os empreendimentos precisam levar em conta as variáveis ambientais. "É certo que os empreendimentos e projetos empresariais têm que ser realizados seguindo a legislação ambiental, com toda a ética e responsabilidade empresarial. Mas Ibama tem que ser rápido, agindo em parceria com a iniciativa privada para que os projetos sejam aperfeiçoados, melhorados e implementados ainda durante a execução", afirmou o presidente do Conama.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)