Cassilândia, Terça-feira, 18 de Junho de 2019

Últimas Notícias

07/06/2019 21:00

Homem é hospitalizado após comer cal pensando ser bombom de coco

Correio do Estado

 

Funcionário de uma empresa que presta serviço para a indústria de papel e celulose Suzano S.A ficou gravemente ferido após uma brincadeira de mau gosto feita por colegas de trabalho, em Três Lagoas. O homem comeu cal virgem acreditando se tratar de doce de coco.

De acordo com o boletim de ocorrência, vítima estava no pátio da empresam quando dois funcionários entregaram a ele uma bolinha de cal virgem enrolada em papel de bombom. Vítima aceitou o suposto doce e mordeu, pensando que era bombom de coco.

A cal é uma substância química que pode causar irritação severa quando inalada ou ingerida. O trabalhador teve queimadura imediata na boca e no esôfago ao morder a bolinha e pediu socorro a outros funcionários, que o levaram para o hospital. Ainda segundo o registro policial, tanto a Suzano S.A. quanto a empresa prestadora de serviços, Multipavi-Pavimentação e Obras Ltda., prestaram todo o atendimento médico à vítima.

O homem se recusou a registrar boletim de ocorrência, tendo feito declaração de próprio punho onde declarou que não queria prestar queixas. No entanto, a advogada da empresa na qual ele trabalhava procurou a Delegacia de Polícia Civil e registrou o boletim de ocorrência de preservação de direito. O caso será investigado.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 18 de Junho de 2019
09:00
Santo do Dia
06:30
Copa do Mundo de Futebol Feminia
Segunda, 17 de Junho de 2019
09:00
Santo do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)