Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

01/12/2006 06:06

Hoje é Dia Mundial de Luta Contra Aids

Hoje, 1º de dezembro, é o Dia Mundial da luta contra a Aids, e em Dourados, a mobilização será na Praça Antonio João e terá inicio às 9 horas com uma blitz educativa para orientar a população sobre as formas de prevenção da doença.


Em Dourados, o programa DST/ Aids, atende mais de 20 pessoas por dia, distribuídos geralmente em dois serviços, busca de tratamento e orientações. Testes gratuitos com aconselhamento, entrega de preservativos, atendimento multiprofissional com médicos, assistentes sociais, psicólogos e ginecologistas são realizados no Posto de Atendimento Médico (PAM) no 2º Bloco, das 7 ás 13 horas.

O estado de Mato Grosso do Sul está em 7º lugar, segundo o Ministério da Saúde, dentre os que têm a maior taxa de Aids no País. Pesquisas mostram que houve redução na taxa de mortalidade em função da doença, ao longo da última década, no entanto, o índice de contaminação ainda é elevado.

Em pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde, o Rio de Janeiro foi o estado que apresentou a maior taxa de casos registrados em 2005, com um índice de 33,2 a cada 100 mil habitantes. A menor taxa está no Tocantins, 6,6 casos a cada 100 mil pessoas. Em Mato Grosso do Sul, a incidência de Aids, segundo a pesquisa é de 18,9 a cada 100 mil habitantes, sendo assim a 7ª maior do País.

O Campo Grande News divulgou há alguns dias, que no estado, são 4.807 casos registrados desde 1980 e 1.682 óbitos no período. A cada ano, a proporção entre casos notificados e mortalidade vem diminuindo. Em 1995, por exemplo, surgiram 244 casos e ocorreram 121 óbitos. Já no ano passado foram 427 casos e 129 óbitos. A taxa de mortalidade a cada grupo de 100 mil no Estado em 2005 foi de 5,7 contra 6,3 no ano de 1995. A taxa nacional de mortalidade provocada pela doença é de 6 a cada 100 mil.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)