Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

11/01/2007 07:03

Hipertensão é a principal causa de morte materna no País

Agência do Rádio

A hipertensão arterial, popularmente conhecida como pressão alta, é a principal causa de morte materna no Brasil. De acordo com o Ministério da Saúde, para cada 100 mil nascidos vivos, 64 gestantes morrem. Para reduzir esse quadro, a coordenadora da área técnica de Saúde da Mulher do ministério, Maria José de Araújo, explica que a primeira providência é detectar a gravidez o mais cedo possível, para que o pré-natal seja iniciado antes do quarto mês de gestação. A coordenadora afirma que um correto atendimento médico é vital para a saúde da gestante e do bebê.

"A mulher tem que exigir do profissional de saúde que tenha sua pressão medida, sua barriga medida, seu pes o controlado. Então, se a gente conseguir fazer isso, já são questões que vão melhorar muito a qualidade do pré-natal."

Para melhorar cada vez mais o atendimento às grávidas, o Ministério da Saúde atualiza normas técnicas, mantém um programa de humanização do parto e do nascimento e paga, a cada município, R$ 90 por gestante que inicia o pré-natal até o quarto mês de gravidez. Além disso, o ministério apóia a formação de comitês de estudo e prevenção da mortalidade materna nos estados e promove o pacto nacional assinado em 2004 entre o governo federal, estados e municípios, que reúne um plano de ações para combater o problema.

De Brasília, Yuri Achcar

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)