Cassilândia, Domingo, 20 de Maio de 2018

Últimas Notícias

08/11/2004 14:30

Hemofílicos recebem mais medicamentos

Assessoria / Ministério da Saúde

O Ministério da Saúde ampliará de 30 mil unidades internacionais (UI) para 45 mil UI por ano a quantidade de fatores de coagulação (hemoderivado) fornecida a cada um dos pacientes de hemofilia, doença de Von Willebrand e demais coagulopatias hereditárias. O aumento na quantidade de hemoderivado fornecida aos pacientes é uma das medidas do Programa de Atenção Integral aos Pacientes Portadores de Coagulopatias Hereditárias lançado pelo ministro da Saúde, Humberto Costa.

Com a implantação do programa, as crianças de até cinco anos portadoras de coagulopatias hereditárias - cerca de 1,5 mil pacientes -, passarão a contar com tratamento preventivo da hemorragia. Isso implica que esses pacientes receberão rotineiramente doses de fatores de coagulação, independentemente de terem ou não sangramento. O programa também criará protocolos para ampliar o tratamento domiciliar de urgência (quando o paciente pode armazenar em casa uma determinada quantidade de fatores de coagulação). Ao se prevenir e evitar a hemorragia, seqüelas e deformações nas articulações dos pacientes são reduzidas. Além de proporcionar mais qualidade de vida, essas medidas também significam redução de gastos com internações e tratamentos prolongados.

O programa também prevê a inserção de novos exames para diagnóstico de coagulopatias hereditárias na tabela de procedimentos do Sistema Único de Saúde (SUS) e a criação de um sistema informatizado, chamado Hemovida Ambulatorial, para alimentar e interligar toda a hemorrede brasileira. O sistema vai armazenar dados como cadastro de paciente, agendamento de consulta, controle de tratamento e diagnóstico laboratorial, entre outros. Ainda será implantado centro de referência para cirurgia ortopédica, dentro do Instituto Nacional de Traumato-Ortopedia (Into), para atendimento de hemofílicos com seqüelas articulares, e estimulado o tratamento com radioisótopos em articulações lesadas para recuperação da cartilagem.

Universo - Atualmente, existem cerca de 9 mil portadores de coagulopatias hereditárias no Brasil. O tratamento desses pacientes demanda um investimento de R$ 250 milhões por ano. Com a mudança na forma de compra de hemoderivados em março de 2003 (passando da modalidade de licitação para pregão presencial), o Ministério da Saúde conseguiu reduzir de US$ 0,42 para US$ 0,16 o preço médio da unidade de fator de coagulação. A redução no preço médio dos fatores de coagulação permitiu uma economia de cerca de R$ 60 milhões por ano para o país. Essa economia propiciará o aumento em 50% da compra de hemoderivados, possibilitando a implantação deste novo programa para portadores de coagulopatias hereditárias a partir de janeiro de 2005.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 20 de Maio de 2018
Sábado, 19 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Sexta, 18 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)