Cassilândia, Domingo, 19 de Novembro de 2017

Últimas Notícias

20/01/2011 17:14

Helicóptero do Exército cai em Nova Friburgo

Isabela Vieira, Agência Brasil

Nova Friburgo - A queda de um helicóptero do Exército no campo da Ceasa, na zona rural de Nova Friburgo, foi vista por agricultores e voluntários que ajudam no socorro às vítimas da tragédia da região serrana do Rio de Janeiro – devastada por fortes chuvas e avalanches de terra na semana passada. O acidente não provocou mortes entre a tripulação e os passageiros, segundo nota divulgada pelo Comando Militar do Leste.



\"Ouvimos a aeronave com barulho estranho e observamos que estava fora de eixo. Aí, ela embicou e caiu no monte de esterco\", contou o motorista Leonildo Ferreira, 40 anos. Ele estava descarregando hortaliças de um caminhão, quando, por volta das 13h, avistou o helicóptero, modelo Esquilo, desgovernada.



Leonildo disse que viu pelo menos uma pessoa sair da aeronave com o rosto machucado. Ele não soube informar quantas pessoas estavam no helicóptero. Todas foram atendidos pela Samu, que estava na Ceasa, de onde parte para socorrer vítimas dos temporais. O centro de abastecimento concentra a ajuda para a população à beira da RJ-130, um dos locais mais atingidos pelas chuvas da semana passada.



\"A gente só viu o helicóptero caindo de qualquer jeito. Nem acreditamos\", afirmou uma mulher que estava na Ceasa pegando mantimentos.



O capitão do Exército Eduardo Ferreira, que estava em outro helicóptero, em Teresópolis, foi acionado para socorrer os colegas. Porém, a situação já estava resolvida quando ele chegou ao local. \"Achamos a área de pouso, mas a tripulação e os civis que estavam a bordo já tinham sido levados para o hospital.\"



O Comando Militar do Leste confirmou, em nota, o acidente. O aeronave, segundo o comunicado, era usada no apoio às vitimas das chuvas.



Os helicópteros das Forcas Armadas são o único meio de transportar médicos, remédios e mantimentos às populações que estão isoladas na região serrana em consequências dos temporais.



Edição: João Carlos Rodrigues

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 19 de Novembro de 2017
Sábado, 18 de Novembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sexta, 17 de Novembro de 2017
19:49
Cassilândia
10:28
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)