Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

14/09/2005 11:03

Gushiken diz que acompanha crise "com repúdio"

Agência Senado

Luiz Gushiken, ex-ministro da Secretaria de Comunicação de Governo e Gestão Estratégica (Secom) e atual chefe do Núcleo de Assuntos Estratégicos da Presidência da República, depõe, neste momento, como testemunha na Comissão Parlamentar Mista de Inquérito dos Correios e assinou termo de compromisso nesse sentido. Em seu depoimento, que começou há pouco, fez, primeiramente, uma explanação sobre sua atuação política para a construção do PT e do movimento sindical. Contou que, depois, abriu empresa de consultoria na área de previdência, especificamente no setor de fundos de pensão. Em junho de 2002, segundo informou, foi convidado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva para coordenar a área de comunicação de sua campanha.

Gushiken disse que acompanha atentamente a atual crise com "repúdio". E que a reforma política deverá ter papel importante para evitar a repetição de erros cometidos. Como filiado do PT, disse ter convicção de que o partido saberá superar suas dificuldades, pois é maior do que sua direção e do que suas crises. A então Secom, afirmou, foi "objeto de denúncias infundadas". Gushiken disse que a extinta Secom - com suas atribuições recentemente transferidas, em parte, para a Subsecretaria de Comunicação Institucional da Secretaria-Geral da Presidência e, em parte, para o Núcleo de Assuntos Estratégicos da Presidência - "não tem poder de mando sobre as estatais" e não teria poder para gerenciar recursos de publicidade nessas empresas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)